Waldez, Robinson e Coutinho se elegem em AP, RN e PB

Entre os três, o governador eleito do Amapá obteve a votação mais folgada: mais de 60% dos votos

Eleito com mais de 60% dos votos,  Waldez Góes (PDT)  é o novo governador do Amapá. Ele ocupará pela terceira vez o cargo após derrotar o governador Camilo Capiberibe que tentava reeleição. Walvez é ligado ao grupo do senador José Sarney (PMDB).  Ele foi o candidato da presidente Dilma Rousseff no estado.

Em 2010, Waldez chegou a ser preso por dez dias acusado de envolvimento num esquema de desvio de verbas da área de educação.Antônio Waldez Góes foi deputado estadual e disputou a prefeitura de Macapá em 1996 sendo derrotado por  perdeu para Aníbal Barcelos. Também concorreu ao governo do estado em 1998, mas foi derrotado justamente pelo atual governador.

O governador paraibano Ricardo Coutinho (PSB) foi reeleito com 53,7% dos votos. Seu adversário era o senador tucano Cássio Cunha Lima. A disputa no estado foi marcada por troca de acusações envolvendo a vida pessoal dos candidatos.

Ricardo Coutinho é farmacêutico e ligado ao sindicato da categoria. Integrou os quadros do partido dos trabalhadores, de onde foi expulso em 2000 após perder a prévia interna da legenda para disputar a prefeitura de João Pessoa. Em 1998 candidatou-se a deputado estadual, sendo o mais votado em João Pessoa. Em 2002, ainda pelo PT, foi reeleito com o maior número de votos do pleito: 47.912. Na Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba (AL-PB), Ricardo Coutinho foi presidente da Comissão de Saúde em dois mandatos.

Já o vice governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD) derrotou o presidente da Câmara dos deputados, Henrique Eduardo Alves, na disputa para governador do estado. O vice governador obteve 54% dos votos contra 46% do peemedebista.Robinson levou a disputa para o segundo turno de maneira apertada. Apoiado por uma coligação de oito partidos, inclusive o PT. Na semana passada o ex-presidente Lula gravou um depoimento em favor do vice governador.

Mais sobre as eleições

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!