Trump e Kim Jong-un protagonizam reunião histórica em Singapura

 

Pela primeira vez na história, presidentes dos Estados Unidos da América e da Coreia do Norte se encontram em reunião oficial nesta segunda-feira (11), em Singapura, cidade-Estado insular localizada no sudeste da Ásia.

O encontro inédito entre Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong-un está em curso e teve início às 22h (9h de terça-feira, no horário local da pequena ilha asiática). EUA e Coreia do Norte são inimigos desde a Guerra da Coreia, que se desenrolou entre 1950 e 1953.

Segundo informações oficiais da Casa Branca, sede do Executivo dos Estados Unidos, Trump e Kim deram início ao encontro frente a frente, sozinhos, na presença apenas de tradutores. Em uma segunda etapa da reunião, assessores diplomáticos do primeiro escalão dos dois países passam a fazer parte da cúpula bilateral.

O principal tema da reunião é o desarmamento do programa nuclear e balístico norte-coreano. Cogita-se a possibilidade de que alguma relação comercial entre as nações tenha início a partir de hoje, embora esse assunto não conste da pauta oficial divulgada pelos dois países.

 

Acompanhe ao vivo (transmissão do site jornal The Straits Times, diário de língua inglesa publicado em Singapura):

 

Os chefes de Estado se reúnem em um hotel em Capella, na ilha de Sentosa. A reunião está cercada de expectativa em nível internacional. Sob forte esquema de segurança, comitivas dos dois países promoveram um encontro preparativo na região central de Singapura.

O secretário de Estado Mike Pompeo acompanha o presidente norte-americano. Antes do encontro, já avisou que os Estados Unidos só aceitam a “completa, verificável e irreversível” desnuclearização da Coreia do Norte.

Antes tensa, a relação bilateral tem melhorado nos últimos meses, entre um e outro sobressalto. Kim Jong-un diz apoiar o desarmamento nuclear, mas pretende exigir contrapartidas e, segundo especialistas em relações internacionais, dá sinais de que pode mudar de ideia de uma hora para outra.

Ontem (domingo, 10), véspera do encontro histórico, Kim Jong-un conheceu pontos turísticos da ilha asiática, e surpreendeu turistas do hotel em que se hospedou ao caminhar por áreas de convívio comum.

Já o presidente norte-americano, conhecido por suas polêmicas alimentadas via Twitter, completa 72 anos nesta quinta-feira (14).

 

<< Trump anuncia proibição de transgêneros no Exército e provoca reação nas redes

<< No Twitter, Temer posta foto com Trump e diz que presidente americano elogiou economia brasileira

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!