Rede protocola novo pedido de formalização do partido no TSE

Grupo liderado por Marina Silva acaba de entregar 56 mil assinaturas e, em 2013, já havia protocolado pedidos com 442 mil assinaturas reconhecidas pelo TSE. A lei exige cerca de 492 mil

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
A Rede Sustentabilidade, agremiação política liderada pela ambientalista e ex-senadora Marina Silva, oficializou pedido de formalização de partido político ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Frustrada no ano passado, quando pretendia disputar as eleições com Marina como cabeça de chapa, a legenda apresentou cerca de 56 mil assinaturas complementares para viabilizar seu registro eleitoral, reforçando o número de adesões já validado naquela corte.

A Rede já havia ingressado com pedido de concessão de registro em 2013, a fim de concorrer às eleições do ano seguinte. Contudo, só 442 mil assinaturas de eleitores foram validadas por cartórios eleitorais e reconhecidas pelo TSE. A lei exige em torno de 492 mil signatários em apoio à criação da sigla.

De acordo com o blog do jornalista Matheus Leitão, veiculado no G1, representantes da Rede foram ao TSE na tarde de ontem (28) sem a presença de Marina. O processo já tem um novo relator, a ministra substituta do TSE Maria Thereza de Assis Moura.

Confira na íntegra matéria do blog de Matheus Leitão

Mais informações sobre a Rede Sustentabilidade

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!