PT pede ao TSE que multe Serra e o PTB

Mário Coelho


O PT entrou hoje (29) com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo multa para o candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, e para o PTB por propaganda eleitoral antecipada. Para o partido, os petebistas usaram o horário destinado à propaganda partidária para fazer promoção do tucano em rede nacional. O relator da representação é o ministro Aldir Passarinho Junior.


Na avaliação do PT, a propaganda antecipada se caracteriza pelo uso de fotografias do arquivo pessoal de Serra durante o horário do PTB. Nas imagens, o tucano aparece em manifestação da União dos Estudantes do Brasil (UNE), ainda na juventude, e ao lado de Ulysses Guimarães e de Mário Covas.


Além disso, de acordo com a representação do PT, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, apresenta Serra no programa como futuro presidente da República. Os petistas pedem multa de R$ 25 mil, multiplicada por dez vezes. A legislação eleitoral permite a multiplicação do valor nos casos em que a punição é considerada ineficaz diante da situação econômica do representado.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!