Morre o ex-presidente do STF Maurício Corrêa

Ministro aposentado da mais alta corte do país teve um ataque cardíaco nesta sexta-feira e não resistiu. Ele também foi ministro da Justiça do governo Itamar Franco e presidente do TSE

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Maurício Corrêa, 77 anos, morreu nesta sexta-feira (17), em Brasília, vítima de um ataque cardíaco. Ele passou por uma cirurgia no coração na última segunda-feira (13). Além de ter composto a mais alta corte do país, Corrêa foi ministro e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro da Justiça no governo Itamar Franco.

Maurício Corrêa se aposentou compulsoriamente do STF em maio de 2004, quando completou 70 anos. Ele, que entrou na vaga do ministro Paulo Brossard em 1994, foi substituído pelo ministro Eros Grau. Tornou-se bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de Minas Gerais, na turma de 1960. A partir de 1961, foi advogado militante em Brasília, com escritório especializado em Direito Comercial e Direito Civil.

Além da trajetória jurídica, Corrêa também militou na política. Em 1986, foi eleito senador, pelo Distrito Federal, para um mandato de oito anos, iniciado em 1º de fevereiro de 1987, havendo participado dos trabalhos da Assembléia Nacional Constituinte. Depois, em 2006, foi candidato pelo PMDB a vice-governador do DF na chapa encabeçada pela então governadora Maria de Lourdes Abadia (PSDB).

O velório será realizado no Salão Branco do Supremo Tribunal Federal a partir das 10h deste sábado (18).

Com informações do STF

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!