Novo líder do DEM critica reforma da Previdência de Temer

Em entrevista em vídeo, Efraim Filho diz que reforma não pode ser "mera equação matemática" e tem de se adequar às necessidades das pessoas. Deputado da base governista vê risco de mudanças agravarem problemas sociais do país

O novo líder do DEM na Câmara, Efraim Filho (PB), defende a reforma da Previdência, mas não a versão proposta pelo governo. O parlamentar acredita que as modificações na legislação previdenciária precisam se adequar aos conceitos de justiça social. Ele diz estar preocupado coma as mudanças defendidas pelo Palácio do Planalto, por exemplo, para as aposentadorias rurais. “A reforma tem de levar em consideração a vida das pessoas. As mudanças na aposentadoria rural podem provocar um êxodo do trabalhador do campo para a cidade e aumentar o problema social”, diz o deputado. O DEM, do ministro da Educação, Mendonça Filho, é um dos principais partidos da base aliada do presidente Michel Temer.

Assista à entrevista:

Mais sobre reforma da Previdência

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!