Estamos mudando o site. Participe enviando seus comentários por aqui.

João Capiberibe deve ser diplomado na próxima semana

Candidato ao Senado pelo Amapá, ele teve o registro indeferido por conta da Lei da Ficha Limpa. O socialista vai ser o segundo senador a tomar posse por ordem da Justiça

O socialista João Capiberibe (AP) deve ser diplomado como senador na próxima segunda-feira (14) pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP). Após a posse de Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), Capiberibe se tornará o segundo membro do Senado a tomar posse após ser barrado pela Lei da Ficha Limpa (Lei Complementar 135/10).  A informação foi dada pelo vice-presidente e corregedor do TRE-AP, desembargador Raimundo Vales, nesta terça-feira (8) no seu perfil no Twitter.

De acordo com o desembargador, a diplomação vai ocorrer na sessão do dia 14 de novembro, às 17h. Ele está, no momento, como presidente em exercício da corte eleitoral. "O tempo entre hoje e segunda-feira é necessário para os procedimentos internos de totalização de votos, confecção de diploma e demais ritos", explicou o desembargador. Vales cumpriu hoje a determinação dada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na última quinta-feira (3).

Por unanimidade, os ministros determinaram a diplomação pela Justiça Eleitoral de João Capiberibe. Esta foi a terceira decisão da mais alta corte do país com relação ao registro de candidatura do socialista. Capiberibe foi o segundo mais votado no Amapá, com 130.411 votos, na corrida pelas duas vagas ao Senado. Ele entra no lugar de Gilvam Borges (PMDB-AP), que atualmente está licenciado do mandato. Capiberibe concorreu com o registro indeferido pelo TSE por conta da condenação, em 2004, por compra de votos.

Leia também:

TRE do Amapá rejeita diplomação de João Capiberibe
Eu, ficha suja?
STF determina posse de João Capiberibe
STF aceita recurso de João Capiberibe

Continuar lendo