Ponta Grossa tem segundo turno com duas mulheres. Pesquisas apontam empate técnico

Ponta Grossa, única cidade paranaense com segundo turno em 2020, vai escolher neste domingo uma mulher para a prefeitura. Mabel Canto (PSC) e Professora Elizabeth (PSD) disputam o comando da cidade. É a primeira vez na história em que duas mulheres vão ao segundo turno no estado. O município também é o único no Brasil onde duas candidaturas femininas se enfrentam no segundo turno.

Dados do TSE mostram ainda que dos 239.611 eleitores aptos a votar este ano na cidade, 53% são mulheres e 47% homens. Ponta Grossa tem também 12 eleitores com nome social.

A maioria dos eleitores (11,9%) na cidade têm entre 25 e 29 anos e 41% deles são casados. Ainda segundo o TSE, 72.602 eleitores do município (30,3%) têm ensino médio completo.

Primeiro turno

Na votação do primeiro turno, o índice de abstenção na cidade foi de 23,03%, o menor entre os cinco municípios com possibilidade de segundo turno no Paraná. Mabel Canto teve 37% dos votos, e Professora Elizabeth (PSD), 31%.

Não há registro de pesquisas do Ibope ou Datafolha na região, mas levantamento da Paraná Pesquisas do dia 24 de novembro indica empate técnico entre as candidatas. Mabel Canto, que é deputada estadual, tem 43,6% das intenções de votos. Já Professora Elizabeth, que recebe apoio do governador do estado, Ratinho Junior (PSD), tem 43,1%.

A pesquisa ouviu 800 eleitores entre 18 e 20 de novembro e tem margem de erro de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos.

> Homens, brancos e casados são maioria entre os candidatos no segundo turno

 

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!