O que você pode ou não fazer no dia da eleição

Posso fazer campanha no dia da eleição? Posso usar camiseta do meu candidato quando for votar? E uma selfie na urna?

Em dia de eleição, uma série de regras deve ser cumprida por candidatos e eleitores - com risco de prisão em flagrante por crime eleitoral. Para que você saiba o que pode ou não neste domingo (7) para exercer o direito a voto sem problemas, o Congresso em Foco reuniu o que é ou não permitido.

  • Já escolhi meu candidato. Posso falar para as pessoas votarem nele?

Não. O eleitor que já tiver definido seu candidato não pode fazer campanha no dia da votação. A distribuição panfleto com propaganda de candidatos é considerada crime eleitoral.

  • Posso usar adesivos, acessórios ou camiseta de candidatos?

Sim. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) permitiu o uso de camisetas de candidatos nesta eleição. Adesivos, bonés e bottons também podem ser usados, mas não distribuídos.

  • Posso me reunir com apoiadores do meu candidato?

Não se estiverem usando roupas padronizadas. É proibido fazer manifestações coletivas e ruidosas. Comícios, carreatas e manifestação com alto falante também são proibidos. A proibição é para evitar qualquer risco à serenidade da votação. O eleitor pode manifestar seu voto individualmente e silenciosamente.

  • Posso distribuir camisetas ou materiais de candidatos?

Não. Eleitores caracterizados não poderão abordar ou tentar convencer outros eleitores a votar em qualquer candidato.

  • Mesários também podem usar acessórios e roupas de algum candidato?

Não. Os servidores da Justiça eleitoral, mesários e fiscais não podem usar nenhum acessório ou adesivo de partidos ou candidatos. Os fiscais dos partidos podem usar crachá com nome e sigla do partido ou da coligação que estejam representando.

  • Posso levar uma “cola” com os números dos candidatos em quem vou votar?

Sim. O eleitor pode levar uma “guia” para ajudá-lo a lembrar os números e a ordem de votação dos seis candidatos em que deverá votar neste ano - a própria Justiça eleitoral recomenda que o eleitor leve a “colinha”. Uma “cola” do candidato (panfleto caracterizado) pode ser levado pelo eleitor, mas não pode ser distribuído no dia da votação.

  • Posso tirar foto com ou da urna?

Não. O eleitor não pode levar o celular para a cabine de votação. Nenhum dispositivo que possa quebrar o sigilo do voto é permitido na hora de votar.

  • Candidatos podem fornecer transporte até a zona eleitoral?

Não. Eleitores que moram em zonas rurais podem usar transporte gratuito da própria Justiça eleitoral, se for ofertado.

  • Pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida podem levar alguém para ajudar a votar?

Sim. O eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida pode levar com ele uma pessoa de sua confiança para ajudá-la, mesmo que o pedido não tenha sido feito à Justiça eleitoral.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!