Ministério Público pede devolução de R$ 200 mi por superfaturamento no Maracanã

Andrade GutierrezCopa do Mundo 2014crise brasileiraCrise econômicadeltaeconomiagestão públicaLava-JatomaracanãMinistério PúblicoOdebrechtoperação calicuteTCE-RJ
Comentários (1)
Comentar
  • Bento Sartori de Camargo

    Como sempre toda obra que o “Estado” toca é exatamente a mesma coisa: um monte de “Termos Aditivos” que disparam ou quase dobra do valor inicial e claro sobra para o lombo dos contribuintes. E adivinhem com quem esse “superfaturamento” é rateado?, se pensou que não são os políticos, errou feio!.