Deputados do Maranhão com acusações criminais

André Fufuca (PP-MA)
Inquérito 4241 Captação ilícita de votos ou corrupção eleitoral

José Reinaldo (PSB-MA)
Ação penal 988 Crimes da lei de licitação, corrupção passiva e corrupção ativa

Pedro Fernandes (PTB-MA)
Inquérito 3728 Peculato e abuso de poder

Waldir Maranhão (PP-MA)
Inquérito 3784 Lavagem ou ocultação de bens
Inquérito 3787 Lavagem ou ocultação de bens
Inquérito 3989 corrupção passiva, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha
Inquérito 3394 Peculato, corrupção passiva e ativa
Inquérito 3621 Crimes contra lei de licitações

Weverton Rocha (PDT-MA)
- Inquéritos 3394 (peculato, corrupção passiva e ativa) e 3621 (crimes contra a Lei de Licitações)

Leia a íntegra da nota enviada pela assessoria de imprensa do deputado:

“No inquérito 3.621, que é apenas investigação, a denúncia do Ministério Público não aponta vantagem indevida do deputado na contratação de emergência para obras de um ginásio de esporte, nem indícios de superfaturamento ou prejuízo aos cofres públicos, razão pela qual o deputado tem confiança que a denúncia será rejeitada ou ele será absolvido sumariamente.

Por fim o inquérito 3.394 foi instaurado a pedido do então ministro do Trabalho, Carlos Lupi, para provar a inexistência de contratação irregular de Organizações Não-governamentais pelo Ministério, numa resposta a uma falsa publicação feita pela revista Veja. O Ministério Público ainda não formulou opinião formal e o deputado aguarda o pedido de arquivamento por parte da PGR. Weverton apresentou ação indenizatória contra a revista.

Nos dois casos o deputado está muito tranquilo na confiança de que ficará provado que ele nunca cometeu nenhum ato ilícito, pois todos os seus atos no Executivo foram respaldados por orientação correta e competente de assessoria jurídica.”

 

Mais sobre processos

Continuar lendo

Publicidade Publicidade