Beto Mansur (PP-SP)

O ex-prefeito de Santos é réu em duas ações penais (635 e 580) por trabalho escravo e crime de responsabilidade. É acusado de ter submetido 46 trabalhadores – entre eles, sete menores – a condições análogas à de escravo, em duas fazendas em Goiás. Responde, ainda, a cinco inquéritos (3315, 3013, 2688, 2616 e 2519) por crimes de responsabilidade e praticados por funcionários públicos contra a administração.

Leia ainda:

“Amigo da criança” acusado de explorar menores

Mansur diz que ignorava problemas em sua fazenda

Continuar lendo

Publicidade Publicidade