Rodrigo Maia impede que segurança empurre agente de trânsito. Veja o vídeo

O presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), interveio para que um segurança não empurrasse um agente de trânsito que tentou falar com ele. O fato aconteceu no caminho entre a chapelaria da Câmara dos Deputados, e o colégio de líderes, onde Maia se reunirá com outros parlamentares para definir a agenda da semana.

O agente que protagonizou a cena é também presidente da Associação dos Agentes de Trânsito do Brasil (AGT Brasil), Antônio Coelho. “A gente viu o presidente Rodrigo Maia e foi apresentar pra ele nossa demanda”, relata o agente. “O segurança foi logo afastando pra gente não ter acesso ao presidente, mas o presidente Rodrigo Maia foi sensível, e chamou logo pra ouvir o que nós temos a falar”, conta Antônio.

A cena aconteceu na frente da imprensa. Ao subir a escada que fica no fim da chapelaria, entrada costumeiramente usada por Rodrigo Maia, o segurança tentou afastar o agente de trânsito. Maia rapidamente interveio e pediu para o segurança não fazer isso. “Ô, pra que isso?”, indagou o presidente da Câmara dos Deputados ao segurança, que se afastou alguns passos.

A atitude de Maia agradou os agentes, que demonstraram muita empolgação por terem conseguido falar com ele. “Nossa visão do presidente Rodrigo Maia é positiva né? Tanto que quando ele viu o segurança empurrando o trabalhador, o agente de segurança viária, o presidente nos ouviu e disse que vai analisar com carinho a nossa causa”, declarou Antônio.

Os agentes de trânsito estão no Congresso Nacional para pedir aos parlamentares que estendam a eles o direito ao porte de armas. “Nosso pedido é que sejam inseridos os agentes de trânsito no direito de portar o armamento, nós somos os únicos do artigo 144, que é o artigo de segurança pública, que infelizmente não possui o porte de armas”, diz o agente de trânsito de Goiás, Elias Santos.

Também está presente nos corredores da Câmara agentes do estado da Bahia, filiados ao Sindicato dos Servidores de Trânsito e Transportes de Salvador e Região (Sindttrans).

Maia ouviu a demanda dos agentes e prometeu analisar suas demandas, mas não se comprometeu a acata-las. “Não vou prometer que eu vou acatar ou não, mas vou analisar”, disse Rodrigo Maia, que finalizou o encontro inesperado com uma foto.

 

 

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!