Congresso em Foco

Maia e os presidentes do STF, Dias Toffoli, e do Senado, Davi Alcolumbre[fotografo]Jane de Araújo/Agência Senado[/fotografo]

Propostas preveem redução em até 50% do salário de servidores

e

25.03.2020 09:50 3

3 respostas para “Propostas preveem redução em até 50% do salário de servidores”

  1. ailton disse:

    Malandro é malandro e mané é mané…

  2. Aristóteles Barros da Silva disse:

    Que tal diminuir os ganhos de Deputados, Senadores, Desembargadores, Juízes, Promotores e que tais? Ou vão continuar “mamando deitados”, a exemplo de toda a cúpula do Poder Judiciário, do STF e que tais? O assalariado continuará sendo “bode expiatório” de toda essa “mais valia”?

    • Roberto Lucena disse:

      Pq esses parlamentares parasitas não abrem mão da verba partidária deles do orçamento da união que chega a bagatela de quase 3 bilhões, além de abrir mão das verbas de gabinetes e ajuda de custo. Um parlamentar tem uma despesa para os cofres público perto de 5 milhões de reais por ano. ABSURDO! E fica querendo mexer nos bolsos dos menos favorecidos que pagam plano de saúde, casa própria, condomínio, colégios de filhos netos etc, água, luz, telefone, farmácias, sem contar com os aposentados e pensionistas que já tem seus salários reduzidos .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via