Congresso em Foco

Sérgio Moro rasga a Constituição e queima a Convenção Americana

01.04.2015 10:13 12

12 respostas para “Sérgio Moro rasga a Constituição e queima a Convenção Americana”

  1. Fabio Fernandes disse:

    Ja vimos isso em satiagraha e castelo de areia. Juízes fazem lambanças inconstitucionais, os inqueritos sao declarados nulos, os bandidos ficam soltos, mas o estrago político está consolidado nas mentes e corações. Juiz Moro está a serviço de partidos políticos. Se estivesse a serviço da sociedade cumpriria a constituição.

    • Mary Simonette disse:

      Perfeito Fabio Fernandes, o Brasil precisava de um juiz apolítico para fazer as investigações da Lava Jato onde todos os partidos estão envolvidos direta e indiretamente com a corrupção.

  2. Inês Gomes disse:

    Tem gente que quer participar da discussão, mas nem ao menos ler a matéria e nem procura saber quem é o autor. Aff!.Tb tem que saber pelo menos o que é um Estado Democrático de Direito.

  3. Washington Luís Araújo Araújo disse:

    É brincadeira, tanto cara de paletó defendendo as inocências de “Bandido”…. kkk.

    • Mary Simonette disse:

      Se por acaso o teu nome estivesse sido citado pelos delatores, você já teria sido condenado pela população brasileira, mesmo não tendo nada a ver com a corrupção.

  4. Caio Mateus França Dos Santos disse:

    Bem vinda ao Estado Democrático de Direito, Lucia da Silva. A presunção de inocência, só “cai” com o transito em julgado Fred, não há referencia, pois o articulista em questão é notoriamente conhecido, experimente dar uma “googlada” Bento.

  5. Lucia Silva disse:

    O maior problema é quando a constituição se torna um problema! O cara assalta os cofres, e tem la uma lei intocável pra protege-lo! Um homem barbado de 16, 17 anos, mata um pai de família e la esta ela de novo, pra protege-la!

    • Mary Simonette disse:

      Não concordo Lucia Silva, não é a lei que protege o bandido, são os juízes que as usam erradamente, cito julgamento do mensalão do PT que todos sabemos que as provas que os inocentariam foram omitidas por Joaquim Barbosa. O dinheiro do empréstimo do PT não foi público, a empresa que fez o empréstimo se chama VISANET, empresa privada de cartões de crédito. José Dirceu foi condenado, preso sem provas e os outros foram condenados acreditando-se no depoimento de um parlamentar chamado Roberto Jeferson que foi pego em flagrante, recebendo propina quando era o presidente dos Correios. Mas este julgamento não terminou, se a justiça existe neste país ele será reaberto e as pessoas que foram condenadas politicamente por Joaquim Barbosa um dia poderão ser ressarcidas e limpar os seus nomes.

      • ASDRUBAL disse:

        KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK dirma, também acredita em papai noel, lobisomem, fadas e otras cositas más, ou é o partidão que te financia para dizer tanta bobagem???

  6. Fred Hollerbach disse:

    Concordo. Deixem rolar as apelações e instâncias existentes… Daqui uns 4-5 anos os larápios cumprirão a sentença… Ou não. A presunção de inocência já não caiu na condenação da primeira instância Sr. advogado? Quantas instâncias são razoáveis para acalmar vosso coração?

  7. Bento Sartori de Camargo disse:

    Gostaria de saber o nome de quem escreveu essa matéria, não há a menor citação do autor dela no início nem no final. Fica o “Congresso em Foco” responsável por divulgar esses dados faltantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via