PF investiga suspeita de atendado após carro invadir gramado de ministério

Um carro invadiu o espelho d'água do Ministério da Justiça e Segurança Pública, por volta das 23h40 deste domingo (15). O veículo foi encontrado às 00h30 com um pedaço de madeira preso ao acelerador. O proprietário do veículo ainda não foi encontrado.

>Sete capitais já têm prefeitos eleitos; 18 terão 2° turno. Veja relação

A Polícia Federal do Distrito Federal afirmou que apura as circunstâncias da invasão ao espelho d'água do ministério. Segundo informações do G1, a polícia suspeita de atentado.  Quando o carro foi encontrado, a Polícia Militar isolou a área e o Esquadrão de Bombas do Batalhão de Operações Especiais (Bope) foi acionado, mas nenhum material explosivo foi encontrado.

Leia nota da Polícia Federal

A Polícia Federal investiga as circunstâncias da invasão do espelho d’agua do Ministério da Justiça e Segurança Pública, por um veículo, por volta das 23h40 desse domingo (15).

Imediatamente após o ocorrido, o Ministério acionou a Polícia Militar do Distrito Federal, que isolou o local.

As diligências iniciais estão em andamento e a ocorrência está a cargo da Superintendência Regional da Polícia Federal no Distrito Federal.

Informamos, ainda, que o Ministério da Justiça e Segurança Pública segue em pleno funcionamento nesta segunda-feira (16).

>Sem adversários, Republicanos elege prefeito e todos os vereadores em cidade do RN

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!