Coronavírus: seis integrantes da comitiva de Bolsonaro estão infectados. Presidente fará novo teste

Até o momento, seis integrantes da comitiva presidencial que voltou dos Estados Unidos com Jair Bolsonaro (sem partido) testaram positivo para o coronavírus. O secretário-adjunto da Comunicação da Presidência, Samy Liberman, recebeu resultado positivo neste domingo (15), segundo informações do Estado de S. Paulo. O primeiro caso confirmado foi o do secretário especial de Comunicação da Presidência (Secom), Fábio Wajngarten.

No final da semana passada, receberam confirmação o senador Nelsinho Trad (PSD-MS), presidente da Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado; o diplomata Nestor Forster, indicado para ocupar o posto de embaixador do Brasil em Washington; a advogada Karina Kufa, tesoureira do Aliança pelo Brasil, futuro partido do presidente; e o publicitário Sérgio Lima, marqueteiro do Aliança. Além dos integrantes da comitiva brasileira, o prefeito de Miami, Frances Suarez, também anunciou que testou positivo no exame. Suarez esteve com o presidente Bolsonaro na última terça-feira (10) durante o Fórum das Américas.

Não há, até agora, a confirmação do resultado dos exames de todos os passageiros. A Secretaria de Comunicação da Presidência não repassa oficialmente nenhuma informação sobre os testes realizados por integrantes do governo.

> Coronavírus: prevenção, sintomas e o mapa atualizado da Covid-19

Novos exames

Alguns, como o próprio presidente Bolsonaro, já divulgaram que não estão infectados. Mesmo assim, terão de passar por um novo teste nos próximos dias, conforme prevê o protocolo da Operação Regresso, que trouxe ao país brasileiros que estavam na China em fevereiro. Pelo mesmo procedimento deverão passar também ministros como Augusto Heleno (GSI) e Bento Albuquerque (Minas e Energia), que também estavam no avião presidencial e tiveram resultado negativo para a infecção. Caso sejam seguidas as regras previstas no protocolo, eles deverão ficar mais alguns dias longe do contato com outras pessoas.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que se encontrou com vários dos integrantes da comitiva de Bolsonaro fez exame e o resultado, conforme divulgou sua assessoria, foi negativo.

> Davi avalia suspender sessões do Congresso


> Resultado de teste de Bolsonaro para coronavírus dá negativo

Na sexta-feira (13), Bolsonaro reagiu nas redes sociais com uma "banana" ao anunciar o resultado de seu exame. Alguns veículos, inclusive a Fox News, considerada aliada de Donald Trump nos EUA, haviam dado a notícia de que o presidente tinha testado positivo para o coronavírus. Segundo a Fox, a informação foi repassada à emissora pelo deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente. Eduardo atacou a imprensa logo após o anúncio feito pelo pai, acusando-a de espalhar notícias falsas.

> Senador Jorginho Mello testa negativo para coronavírus

Presidente da Comissão de Relações Exteriores, o senador Nelsinho Trad participou de reunião de emergência, na quarta à noite, com os ministros Luiz Henrique Mandetta (Saúde) e Paulo Guedes (Economia) e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), entre outras lideranças e autoridades, para discutir medidas econômicas e de prevenção ao novo coronavírus.

Ligado ao escritor gaúcho Olavo de Carvalho, Forster já teve seu nome aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça para ser o novo embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Falta a confirmação pelo plenário do Senado.

Veja a lista dos passageiros que voltaram dos Estados Unidos com Bolsonaro:

Primeira-dama, Michelle Bolsonaro
Ministro de Estado das Relações Exteriores, Ernesto Araújo
Ministro de Estado da Defesa, Fernando Azevedo
Ministro de Estado de Minas e Energia, Bento Albuquerque
Ministro de Estado Chefe do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno
Governador do Paraná, Ratinho Junior
Chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas, Raul Botelho
Senador Jorginho Mello (PL/SC)
Senador Nelsinho Trad (PSD/MS)
Deputado Eduardo Bolsonaro (PSL/SP)
Deputado Daniel Freitas (PSL/SC)
Embaixador Nestor Forster
Embaixador João Mendes
Assessor internacional, Filipe Martins
Secretário Especial de Comunicação Social, Fábio Wajngarten
Presidente da EMBRATUR, Gilson Machado
Presidente da APEX, Sergio Segovia
Chefe de Operações da Apex Brasil para a América do Norte
Secretário Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais, Marcos  Troyjo
Secretária Especial do PPI, Martha  Seillier
Secretário de Aquicultura e Pesca do MAPA, Jorge Seif

> Por medo do coronavírus, movimentos esvaziam atos do dia 15

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!