Aliado de Bolsonaro pede CPI para investigar governadores e prefeitos

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE), com apoio do Palácio do Planalto, está coletando assinaturas para a criação de uma CPI da Covid com escopo mais amplo que a proposta de Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Neste pedido, que conta com apoio de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), além da atuação do governo federal, a investigação pretende abranger também estados e municípios.

"Ocorre que, em face dos bilhões de reais repassados pelo Executivo Federal aos entes federados, além de verbas oriundas das próprias fontes municipais e estaduais e diante das brechas escancaradas por uma legislação criada sob regime de urgência, faltou transparência e sobrou desonestidade nos contratos firmados entre gestores públicos desonestos e a iniciativa privada", diz o pedido, que já conta com 33 assinaturas, entre elas, a do petista Paulo Paim (PT-RS), conforme mostrou reportagem do Antagonista.

Na noite de ontem (11), Girão publicou nas redes sociais a defesa do novo pedido:

Ainda que legítimo, o pedido para estender as investigações para estados e municípios tira o foco da investigação da falta de oxigênio em Manaus e outras ações do governo federal e atende a um pedido de Jair Bolsonaro para tirar o foco das decisões do presidente e do ex-ministro da saúde Eduardo Pazuello no combate à pandemia.

O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) revelou neste domingo (11) uma conversa que teve com o presidente a respeito da CPI da Covid. Em um diálogo de cerca de seis minutos, Bolsonaro cobrou que governadores e prefeitos sejam chamados para prestar satisfações.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse que vai cumprir a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de instalar a CPI da Covid nesta semana. Pacheco sempre resistiu ao pedido de investigação das ações do governo no enfrentamento da pandemia.

Outro pedido de instalação de CPI, do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), e com foco apenas no governo federal já conta com 34 assinaturas. Pelas redes sociais, o congressista disse que o presidente tenta interferir de forma "criminosa" na instalação da CPI.

> Senador encontrado com dinheiro na cueca assina pedido da CPI da Covid

Continuar lendo