Congresso em Foco

xxxxxxxxxxxxxxx

Bolsonaro tem 15 dias para apresentar defesa sobre denúncia da PGR por racismo e ameaça

16.05.2018 07:15 41

Reportagem Em
Publicidade

41 respostas para “Bolsonaro tem 15 dias para apresentar defesa sobre denúncia da PGR por racismo e ameaça”

  1. Elionai dos Santos Souza disse:

    Diferenças.. tem candidatos presos por roubar dinheiro do povo outros sendo processados pelo que falaram, prefiro os que falam, mesmo que isso tenha que doer em alguém.

  2. Way_down_from_Texas disse:

    LULA LIVRE-LULA 2018!

  3. Valdir disse:

    BOLSONARO 2018!
    E no 1º turno!

  4. RAFAEL disse:

    BOLSONARO MAKE BRAZIL GREAT AGAIN… kkkk

  5. RAFAEL disse:

    OS COMUNAS ESTÃO SE BORRANDO DE MEDO… É MELHOR JAIR SE ACOSTUMANDO!!!

  6. Cézaro disse:

    O Estado interfere demais na vida das pessoas. Isso é uma herança maldita dos comunistas que estavam no poder. Penso que o crime de racismo deveria se caracterizar quando alguém causa um dano a outro em função de sua raça, cor, sexo ou opção sexual. Mas convenhamos, ser processado por exprimir uma opinião… É ridículo, é pura demagogia, é uma maneira covarde de dar uma satisfação para essa minoria barulhenta que está sempre procurando uma vítima para se promover

  7. Aristóteles Barros da Silva disse:

    E, ainda tem gente que perde precioso tempo em discutir a respeito desse traste. Tomar banho, gente!

    • drops disse:

      Não concordo com você, mas defendo que possas dizer o que pensas, entenda que se a PGR fosse contrária a sua opinião estaria cerceando a sua liberdade de dizê-lo. Nossa luta em um passado não tão distante era pelo direito a expressar o pensamento, hoje vivemos a repressão de não poder expressar o outro pensamento, somos obrigados a pensar uns igual aos outros. isso não é a democracia que sonhamos e sim uma ditadura do politicamente correto.

      • Aristóteles Barros da Silva disse:

        Obrigado, senhor drops, por respeitar minha opinião, a qual nada mudará a respeito de quem se trata: traste e, estamos conversados!

  8. Lex Keher disse:

    https://uploads.disquscdn.com/images/307d7408b558e0ccaaffc7540bd8df89103cf5316934faa8330fdfecc91a4c9e.jpg

    A aceitação do Politicamente Correto é a aceitação da auto-censura.

    ainda:

    O politicamente correto não passa de tirania de comportamento. Espero que todos tenham a coragem de serem impopulares. A popularidade é o troco da história. A coragem é a verdadeira moeda da história – Charlton Heston

    ou

    O mal da humanidade do seculo XXI “o politicamente correto”, ou seja, a projeção de culpa e a isenção de responsabilidade pelo livre-arbítrio. Apoderar-se da verdade, e criar normas e padrões aonde pessoas que não se encaixam nesse ideal de padrão, são julgadas como racistas ou fascistas. – Carlos Lida

    Atreva-se a pensar fora da caixa. Você não é obrigado a seguir a cartilha do politicamente correto. O que hoje parece senso comum pode ser uma completa estupidez amanhã.
    Não há norma da sociedade que possa substituir o bom-senso. Eu mesmo.

  9. Way_down_from_Texas disse:

    Vamos esperar condenar o racista criminal na cadeia sim!

  10. Domingos Torres disse:

    Bolsonaro tem direito a cota para sua filha descendente de negros e isso não é falado na mídia. Mas não adianta. Vamos ganhar no 1o turno.

  11. Jose Bem Maior disse:

    Com a saída de Joaquim Barbosa…
    só restou candidatos com cérebro do tamanho de um amendoim,
    ele pensa que se governa um país com anedotas de boteco !

    • Elionai dos Santos Souza disse:

      uee… certo eles… Lula e Dilma governaram sem nem saber as operações básicas de matemática… mas dá uma olhada melhor nos candidatos amigos.. tem professores no meio dele…e n falo dos que invadem propriedades.

  12. A PERSEGUIÇÃO EM CIMA DO BOLSONARO ESTÁ DE MAIS!
    Para o Bolsonaro ser eleito presidente da República em 2018, ele vai precisar de um milagre, simplesmente porque todos estão contra ele, inclusive a PGR e o STF. Agora só tem um porem, ou eles param de perseguir o Bolsonaro ou os militares assumirão de novo o comando do país, os militares estão incomodados com a situação atual do país. Se isso acontecer o bicho vai pegar pra muita gente e como disse dois generais, se as Forças Armadas assumiram de novo o comando do país serão fechadas todas as instituições e muita gente vai sair algemado de dentro das suas instituições. A escolha está com eles, sinceramente eu espero que isso não aconteça, como falou um general numa intervenção ocorre mortes. Espero que não seja necessário que haja uma nova intervenção militar, espero que o povo se conscientize e faça uma limpeza geral no Congresso Nacional e nos governos estaduais, tirando através do voto todos esses corruptos que estão aí na política nesses anos todos, na verdade não são políticos e sim bandidos travestidos de políticos. https://uploads.disquscdn.com/images/59fcc67e2b06c34656f26ade80046ff91aca223351affe6a6bd2c816fccfc778.jpg

  13. Paulo disse:

    O mau do Bolsonaro é que ele sempre extrapola, mas tem fundamento na base, afinal grande parte dos impostos podem estar sendo mal utilizados sim, e isso não é caso de racismo. Extrapolou quando debochou dos quilombolas ou seja uma coisa não tem nada a ver com outra.

  14. drops disse:

    Não sei o que pensar a respeito da PGR, pois tem manifestações de viés racistas, homofóbicos, machistas e todos os “istas” no meio politico, mas somente Bolsonaro é enquadrado, entenderia se todos estivessem respondendo por suas manifestações e ações. Existem situações que necessitam muito mais da atenção da PGR e não teria como cita-las aqui para não fazer textão, mas parece que a PGR tem um foco definido, ou agendado,então dá-se a entender que há um claro viés ideológico no trabalho da procuradora.

  15. Fábio disse:

    Não sou eleitor do Bolsonaro, mas essa ação é patética. Deveria ter sido rejeitada de plano.
    Racismo é defender a segregação de uma raça ou discriminá-la. Bolsonaro, possivelmente em tom infeliz, mas na condição de deputado acobertado pela imunidade material própria do cargo (aquela que protege palavras, manifestações escritas e votos), mostrou sua contrariedade com a existência de quilombos no ano de 2017 (quando proferiu o discurso). Equivocado ou não, ele tem um direito, ainda mais como político, de defender que a manutenção estatal de quilombos não se justifica mais historicamente. É uma tese polêmica, mas que um parlamentar deve ter liberdade para exercer, sob pena de se cassar o exercício da política.
    Considero essa ação uma perseguição e vejo nela um claro viés autoritário.

    • Maria Mariah disse:

      Patético é o brasileiro nao se dar conta do quanto é racista, precoceituoso e discriminatorio. O crime esta tao entranhado na cultura que a maioria nem percebe o horror.

    • walter pereira de sousa disse:

      Patetico é ver negros dizendo que vai votar num sujeito desse. Um cara como Bolsonário em outros lugares não serve nem para limpar privada de câmara de vereadores.

      • Fábio disse:

        Não vejo raciocínio em seu comentário, apenas ódio.

      • Claudia disse:

        Desculpa, mas não pude deixar de notar e achar graça que você vê o racismo contra o negro, mas não o seu preconceito contra aqueles que lavam privadas.

      • Lex Keher disse:

        Patético é ver negros se comportando como gado seguindo a cartilha de esquerda que determina a forma como os negros DEVEM se comportar. Pense fora da caixinha cara. Cadê sua liberdade de pensamento.
        “Se a esquerda diz que é assim então eu não posso pensar diferente”
        Ninguém é obrigado a nada por ser negro, mulher, lgbt, alienígena, planta, pastor ou taxista.
        Você pode pensar como quiser e pode discordar. Acredite

      • RAFAEL disse:

        Walter gado, os Negros tem live arbítrio… sabia??? eles podem votar em quem quiser!!! mesmo que desagrade os militontos.

    • Bayma Silva disse:

      RACISMO:

      Doutrina ou sistema político fundado sobre o direito de uma raça (considerada pura e superior) de dominar outras.

      Preconceito extremado contra indivíduos pertencentes a uma raça ou etnia diferente, ger. considerada inferior.

      Atitude de hostilidade em relação a determinada categoria de pessoas.

    • Claudia disse:

      Agora é cada um por si. Um tentando derrubar o outro do jeito que dá! E o STF já mostrou quem o apadrinha. O que acho ainda mais crítico em todo esse processo é a espetacularização das denúncias e a falta de priorização das demandas pelo STF. Como tanta coisa mais importante para fazer, colocar isso em pauta agora urge para quem???

    • Lex Keher disse:

      Todo apoio à sua opinião clara. Estamos criando uma nova forma de censura disfarçada de “Politicamente Correto”. Em que ponto da chegamos onde já não podemos manifestar nossas opiniões quanto à determinadas situações?

      Politicamente Correto = CENSURA

      Sem diálogo e contraposição de ideias não há como perceber erros. Se todos concordarem dentro do congresso só precisamos de um.

      Faço minhas as palavras de Voltaire – Não concordo com uma palavra do que dizes, mas defenderei até a morte seu direito de dizê-las.”

      • Fábio disse:

        Concordo. Agora toda opinião contra a existência de quilombos é racismo? Se alguém criticar um ato de um movimento negro também é racismo? É muito diferente ser racista de criticar uma política racial ou determinada ação do movimento negro.
        Os quilombos recebem subsídios públicos. Trata-de uma discussão sobre uma política pública, portanto. Os quilombos devem existir hoje? É algo justificavel historicamente a essa altura? Não tenho opinião formada sobre isso. Mas isso é algo discutível, enquanto política pública, no sentido de que não se trata de um debate a ser censurado em uma democracia. Pode-se defender uma posição ou outra.
        Racismo é defender que negros são inferiores ou pregar a segregação pela raça. Discutir política racial não é racismo. O politicamente correto está descambando para o autoritarismo mesmo.

    • Teresinha Winter disse:

      Ele pode defender as suas ideias, mas não pode se colocar em nível superior e tratar os outros como se fossem lixo, que é o que ele faz, quando abre aquela GAMELA que dizem se chamar boca. E só despeja m… Aliás, se manifesta sobre todos os assuntos da mesma forma, e já está mais do que na hora de calar aquele monte de asneiras despejada direto do esgoto.

      • Fábio disse:

        Não sei se percebe a ironia, mas reclama da rudeza de Bolsonaro e não faz diferente em seu comentário.

        • Teresinha Winter disse:

          Ai, pobrezinho,que rude eu fui, né? Não percebo a ironia, porque ela não existe. Há anos e anos temos aguentado essas pilhas de esterco falar o que querem. Não satisfeito, Bolsonazi ainda colocou a família na política. Pra perpetuar o mal. E ganhar uma boa grana, é claro.

          • Way_down_from_Texas disse:

            Teresinha preocupe não, o Fabio se acha o dono dos comentários e fica como policial e defensor dos elites e o Aecio Neves. Melhor nem responder a um cara que não vale nem o tempo que e so desgaste! Bolsonaro e um animal do esgoto mesmo que já ficou milionário com fazer a politica suja trabalhar para o bolso dele e dos filhos!

          • Fábio disse:

            Entendi. Você reclama da grosseria do Bolsonaro fazendo…grosseria.
            Nossa esquerda é uma piada pronta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via