Lobistas em ação social promovem parceria com catadores do DF

Na última imersão do projeto Lobby Social conhecemos a Eva e o Roque. Eles lideram duas cooperativas de catadores de resíduos no DF. Conseguimos compreender muitas dificuldades que eles enfrentam no dia a dia. Esse trabalho vai nos permitir um diagnóstico técnico de problemas públicos desses grupos para endereçarmos propostas de políticas que possam ajudá-los a superar alguns de seus desafios. Estamos fazendo lobby social para esse grupo.

Já tendo iniciativas no DF, Goiás e Santa Catarina, o projeto tem três objetivos básicos. O primeiro e o principal deles é realizar uma ação social pro bono para defender interesses de grupos vulneráveis em políticas públicas, permitindo que eles tenham atendimento gratuito para identificarem problemas e endereçarem propostas de soluções.

O segundo objetivo é proporcionar a estudantes e jovens profissionais uma capacitação em relações governamentais e em gestão de políticas públicas, promovendo sua entrada no mercado de trabalho. Isso porque são eles quem compõem a equipe de voluntários e recebem mentoria sobre lobby, políticas públicas e gestão de projetos.

O terceiro objetivo é dar mais visibilidade a boas ações da atividade de lobby. A atividade de relações governamentais tem um enorme potencial de transformar o mundo e muitas políticas públicas são construídas com a participação de grupos sociais, que levam dados, análises e sugestões para o debate com os decisores. Alguns grupos sociais, seja por falta de recursos ou de conhecimento, não participam dessa construção. O Lobby Social ajuda a preencher essa lacuna e termos mais boas histórias para contar.

Ainda nesse semestre o grupo no DF fará um diagnóstico de problemas públicos, indicando o que são causas, o que são problemas e o que são consequências. Escolhida a questão a ser trabalhada, passaremos para uma fase de definição da estratégia a ser aplicada. A depender do desafio a ser enfrentado, diferentes caminhos podem ser tomados.

É importante destacar ainda que todos os temas que nos propomos a trabalhar no Lobby Social devem estar alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. O projeto é uma iniciativa do Pensar RelGov e conta com a parceria do Ibmec, da Universidade Federal de Goiás, do Instituto de relações Governamentais - Irelgov e da startup Sigalei.

Fazer lobby por uma ação social é gratificante, nos faz refletir, crescer, aprender, e ainda ganhamos um café fresquinho do pessoal!

Quem quiser saber mais sobre o projeto, basta acessar o endereço aqui.

O texto acima expressa a visão de quem o assina, não necessariamente do Congresso em Foco. Se você quer publicar algo sobre o mesmo tema, mas com um diferente ponto de vista, envie sua sugestão de texto para redacao@congressoemfoco.com.br.

> Leia mais textos do autor.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!