Estamos mudando o site. Participe enviando seus comentários por aqui.

A disputa pela audiência entre as gigantes de mídia

 

 

A disputa pela audiência entre as gigantes de mídia

Gigantes da televisão e os canais de streaming estão travando uma verdadeira “guerra dos milhões” para comprovar quem tem mais audiência. Cada um quer abocanhar a maior parte do bolo publicitário para 2018.

O debate foi tornado público depois que Felipe Neto – o segundo maior influenciador digital no Youtube no  Brasil – reclamou, em um evento, da “pífia” receita dedicada ao mercado digital, enquanto a Globo, que vem perdendo a audiência para o streaming, aumenta a sua receita publicitária.  A novidade é que as duas as empresas revelaram que estão usando diferentes métricas para mensurar a audiência. A Globo revela ter audiência de 100 milhões por dia.

O Youtube divulgou pesquisa Video Viewers (Instituto Provokers) afirmando ter atingido 103 milhões em julho/2017. Mas a Globo alega que o dado do Youtube é mensal, não diário. Segundo revelou a Folha de S.Paulo, as duas empresas precisaram cruzar dados para atingir esses resultados, o que mostra a mudança de comportamento no universo da comunicação. Uma única pesquisa não é suficiente para revelar tendência de consumo da mídia.

 

 

Restaurante "fake" em Londres chega ao primeiro lugar em site

Cada vez mais, é preciso redobrar cuidados com as notícias falsas, fenômeno surgido com a expansão das redes sociais e com vasto impacto na comunicação. O caso do restaurante "fake" em Londres que chegou ao primeiro lugar no ranking do conceituado site TripAdvisor revela o grau de risco que todos corremos com a disseminação de informações não verdadeiras. A ameaça é ainda maior pela inexistência  de regulamentação das "fake news".

Foi com esse cenário que o jornalista Oobah Butler, agora conhecido como o “o rei da Fake News”, conseguiu a façanha de colocar um restaurante inexistente, "The Shed at Dulwich", no topo do site de viagens.  O feito ganhou destaque na mídia internacional e o episódio serve como mais um elemento na discussão em torno da regulação do tema. Quem se responsabiliza pelas falsas informações que circulam nas mídias sociais?

 

 

Tendências de consumo para 2018

Conhecer tendências é fundamental para o planejamento de marketing das empresas. Aqui, a MindMiners elencou 10 sugestões apresentadas por especialistas que podem ajudar a encontrar a direção de clientes.

Entre as dicas dos especialistas está a de procurar conhecer o seu consumidor pelos rastros que ele deixa na internet. Outra, é buscar a satisfação do cliente de maneira personalizada. É importante, ainda, manter sintonia com os valores defendidos pelos millennials, como sustentabilidade.

 

 

 

 

 

<< Mais do Cenas da Semana

Continuar lendo