Proíbam o arco-íris

Os fascistas têm algumas características comuns: são ignorantes e limitados intelectualmente e​, ​por consequência, autoritários. Só conseguem a adesão ​à​s suas ideias de pessoas intelectualmente limitadas.

Esta primeira frase já fez muitas fascistas espumarem de ódio, coisa que sabem construir, uma vez que intelectualmente limitados são incapazes de contra-argumentação. Faço esta observação por algumas razões e comportamentos observados nos últimos tempos, mas também baseado em estudos acadêmicos.

"Ah! Estes estudos não valem, afinal foram feitos sob a égide de uma ​'escola com partido​'", dirão os "inteligentes"​ defensores da escola sem partido. Nós sabemos o que significa a ​"escola sem partido​": é aquela que persegue os profissionais da educação por ensinar as crianças e os adolescentes a pensar. Coisa que não querem, pois se alguém aprende a pensar, dificilmente será igual a eles: limitados intelectualmente, desumanos e violentos com aqueles que pensam diferente.

Ou não é o que foi o caso do​ nazi-fascismo alemão e italiano, para fi​car só em dois exemplos? Alguns fascistas que podem estar a ler este texto devem ter colocado o dedo em riste e novamente espumar e acusar: “Dos comunistas ele não fala nada”. Falo sim. Não houve, até o momento, nenhum país no mundo sob o regime comunista. Houve sim alguns países que tentaram implantar o socialismo ou o comunismo e não conseguiram.

"Ah! Mas e a Rússia?" (para ficar no resumo), perguntarão. A URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas) nunca foi comunista e, pior, principalmente no período stalinista, foi uma ditadura.

Mas voltemos aos fascistas, que ideologicamente são classificados como de direita enquanto os comunistas, socialistas e anarquistas são classificados como de esquerda. Acadêmicos da Brock University, em Ontário, Canadá, realizaram uma pesquisa, publicada no Journal of Psychological Science, e concluíram que as pessoas com opiniões políticas de esquerda tendem a ser mais inteligentes que as de direita.

Coletaram dados por mais de 50 anos e, analisando e estudando as informações coletadas, concluíram que as pessoas com opiniões políticas de esquerda tendem a ser mais inteligentes do que aquelas com visões de mundo ideologicamente (fascistas) de direita. Também concluíram que crianças com menor nível de inteligência tendem a desenvolver pensamentos racistas e homofóbicos na idade adulta.

Os pesquisadores ouviram mais de 15 mil pessoas, no Reino Unido, entre os anos de 1958 e 1970. Mediram a inteligência de crianças entre 10 e 11 anos de idade e voltaram a analisar suas posições políticas aos 33 anos de idade. Ao analisar os dados coletados, esses estudiosos concluíram que os menores níveis de inteligência estão relacionados a pensamentos de direita.
Alguns de direita​, ao conhecer estes estudos, espumaram. Devem ter encomendado um estudo para provar o contrário. Se começaram hoje, daqui 50 anos saberemos a versão deles.

Sobram exemplos da limitação intelectual dessa gente de direita. Ficarei, por ora, em um só. Semana passada, um militante da direita acusou a Polenghi, aquela​ empresa​ que vende queijo, de fazer apologia à homossexualidade, obrigando a empresa a explicar ao ​"inteligente​" militante que sua publicidade era uma homenagem ​à capa do clássico disco de rock "Dark Side of The Moon", do Pink Floyd.
A capa é toda em negro (é politicamente correto assim definir?) com um raio de sol incidindo sobre um prisma​, e esta incidência gera as cores do arco​-íris.

Será que o inteligente militante da direita sabe o que é um prisma e o que gera a incidência da luz sobre ele? Será que ele sabe que existiu uma inteligente banda de rock chamada Pink Floyd e que ela tem posturas críticas em relação ​à​ realidade, portanto podendo ser chamada de esquerda?

Aconselho aos inteligentes homofóbicos que entrem no Google e faça a tradução d​e "Dark Side of The Moon". Também aconselho aos inteligentes fascistas e principalmente ​a​os homofóbicos que, se aparecer um arco-íris no céu, cubram, rapidamente, com as mãos os olhos de seus filhos e filhas, ou proíbam o arco-íris.

Aos fascistas que fazem discursos homofóbicos e são homossexuais​, que façam como o líder neonazista Kevin Wilshau, provavelmente líder de alguns da direita do Brasil​: saiam do armário.

<< Quiçá fascistas – não é com ditadura militar que a corrupção será debelada

Continuar lendo