Lula é o culpado

Há muitos anos, Lula é o culpado de muita coisa. Eu diria até que, se alguém investigar com seriedade e profundidade, é possível responsabilizá-lo pelo Descobrimento do Brasil, principalmente pelas coisas ruins. Exagero.

Sim, mas é de exageros que vive significativa parte da imprensa brasileira. Quando diz respeito ao PT, Dilma e Lula, a imprensa exagera nas mentiras. E, se entender que a mentira pode dar muito na cara, faz como Sardenberg, inventa uma historinha e bota a culpa no Lula.

Carlos Sardenberg, colunista de O Globo, O Estado de S. Paulo, G1, TV Globo, CBN e Globonews, inventou uma historinha e culpou Lula pela crise econômica da Grécia. Sardenberg não é um idiota, mas sabe que há idiotas que podem acreditar. Se não fosse assim, não teria razão para esse conceituado colunista inventar tamanho absurdo.

A turma da imprensa privada (Folha, Estadão, Globo, Veja, etc.) é criativa: inventam muitas historinhas e muitas mentiras. O problema é que parte da população aceita. Certo que uma parte pequena.

Em julho de 2010, ocorreu um “conflito” político entre a Colômbia e a Venezuela. Ao dar a noticia, a TV Globo insinuou que parte da culpa por esse “conflito” era do Brasil, ou seja, de Lula, afinal era ele, na época, o presidente da República.

Não só a turma da Globo é criativa. Há uma dúvida se foi O Estado de S. Paulo ou a Policia Federal (PF) que colocou aquela tarja preta sobre as letras JS, que podem ser as iniciais do nome do senador José Serra.

Para quem não lembra, a PF divulgou alguns nomes de políticos que provavelmente tiveram contacto com Marcelo Odebrecht, investigado e preso pela Operação Lava Jato. Nessa lista, entre outras (divulgadas), estão as iniciais JS, que se suspeita seria o senador José Serra (PSDB). O culpado por colocar esta tarja preta e impedir a divulgação do nome do tucano José Serra, como alguém que teve contato com o preso, é Lula. Essa deve ser a conclusão que a sindicância da PF fará sobre a PF.

Lula também é o culpado por José Serra, do PSDB de São Paulo, ter se reunido duas vezes com Odebrecht. Há quem acredite.

São Paulo é o principal ninho dos tucanos no Brasil. Lá, o povo, principalmente da capital, vem sendo vitima da falta de água. Há vários meses os munícipes de São Paulo vêm sofrendo com um racionamento. Quem governa São Paulo é Geraldo Alckmin, do PSDB. Mas há aqueles que culpam o Lula pela falta de água.

Não bastasse o racionamento, há uma diferença na cobrança das tarifas de água: as escolas públicas pagam mais caro pela água que consomem do que as empresas privadas. Apesar de o PSDB estar há muitos anos governando e tomando decisões a favor dos ricos, o culpado, segundo alguns, é Lula.

Gás lacrimogêneo, balas de borracha, gases de efeito moral, cachorros atacando as pessoas. Pessoas sendo presas e cerca de 300 feridas. Esse foi o tratamento que o governador do Paraná, Beto Richa, também do PSDB, deu aos educadores e educadoras do estado. Insistentemente, esse tucano apareceu na imprensa para afirmar que o PT é o culpado. Ou seja, ele bate, prende, arrebenta, e indiretamente Lula é o culpado.

A coisa mais fácil hoje no Brasil é culpar Lula, Dilma e o PT, e está tudo explicado. Tem gente colocando a culpa na Dilma e no Lula até pela morte do cachorrinho de estimação, pelo elevador que parou no andar errado, pelo caminhão de lixo que não passou, pelo avião que atrasou, pelo empregado que adoeceu, etc.

Semana passada a imprensa privada se regozijou ao ver o resultado da pesquisa CNT. As manchetes variavam de “Dilma no fundo do poço” a “acabou o governo”. Felizes anunciavam o resultado da pesquisa, mas como sempre omitindo, mentindo ou ignorando. No caso, omitiram informações.

A mesma pesquisa que mediu a popularidade da Dilma mediu também a avaliação das instituições. E nessa avaliação a imprensa está pior que Dilma. Só 4,8% avaliam como positiva a imprensa. Pior que a imprensa está o Congresso Nacional: 0,8%. A mesma pesquisa busca medir a confiança nas instituições: 13,2% (coitados) confiam sempre na imprensa e 1,6% no Congresso Nacional.

É por culpa do Lula que a imprensa tem tão pouca confiabilidade. Por noticiarem, sobre Lula, aquilo que não conseguem provar, perderam credibilidade.

Mais textos do Dr. Rosinha

Mais sobre Operação Lava Jato

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!