Lowell George e S/360, estrelas esquecidas

No dia 13 de abril, Lowell Thomas George, guitarrista, cantor e compositor, faria 76 anos. O IBM System/360, primeiro mainframe da história, completaria 47 no último dia 7. A morte precoce dos dois não os impediu de virar referência na música e na tecnologia.

Lowell, ainda com vinte e poucos anos, foi chamado no final da década de 60 para substituir Ray Collins no The Mothers of Invention, grupo do maluco careta Frank Zappa. Saiu de lá (expulso por Zappa, dizem) com a música Willin' debaixo do braço, pra formar o Little Feat.

Ouça:

Lançou, ao todo, sete discos com a banda, o último finalizado e lançado após sua morte. A mistura única de country, rock, psicodelia, jazz e ritmos latinos fez deles uma das bandas norte-americanas mais influentes de todos os tempos.

Pouco antes de morrer de overdose, em 79, George lançou seu primeiro e último disco solo, Thanks I'll eat it here. O álbum é recheado de canções bem mais simples e curtas do que as suas com o Little Feat. A guitarra perde importância e a presença de ranchera (música tradicional mexicana) nos arranjos é bem menos sutil: 

O System/360, outro aniversariante, foi lançado no dia 7 de abril de 1964 pela IBM. Destacou-se, em primeiro lugar, pelo custo inferior, alta compatibilidade com outros dispositivos e pela flexibilidade. Adequava-se ao departamento de contabilidade de certas empresas e, ao mesmo tempo, teve papel importante na missão Apollo da Nasa.

As instruções (programas) eram lidas em cartões de papel furado. Cálculos que ele fazia em 168 horas são feitos em um segundo por mainframes usados hoje em dia. Isso transformou o System/360 em peça de museu. Os poucos exemplares existentes da máquina quarentona da IBM não são funcionais. O System/360, na prática, também morreu, mas revolucionou a informática e ajudou a transformar a sociedade moderna.

Este vídeo é para os geeks de plantão. Palestra de duas horas da IBM sobre o primeiro mainframe da história (em inglês):

Faixa bônus: parece que a Apple está bem perto de construir uma fábrica de seu famoso tablet no Brasil. Dizem que Dilma, entusiasta do iPad, está empenhada em fazer a coisa acontecer. (Leia na Exame).

PS: Dia 13, também saio de férias do Congresso em Foco, volto com novidades.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!