FC Barcelona, més que un club

O Fútbol Club Barcelona é uma máquina de jogar futebol e uma máquina de fazer dinheiro. Na melhor temporada da história do clube, 2009, em que ganhou todas as competições que disputou, o Barça faturou algo como 357 milhões de euros. O primeiro lugar ficou com o Real Madrid, que arrebatou 407 milhões. Mas o time de Madrid gastou 250 milhões de euros para contratar Cristiano Ronaldo, Kaká e outros. Mas a estratégia não funcionou. O Barça foi o campeão espanhol, mais uma vez. Só de gratificação para os jogadores, o clube vai desembolsar 35 milhões de euros pela conquista da Super Copa da Espanha, da Liga dos Campeões, do Mundial de Clubes e do campeonato espanhol. Não há jogador que não queira vestir a camiseta do FC Barcelona.

O Barça além disso, aposta em outros esportes. O time de basquete foi campeão europeu nesta temporada. Um título que o time de futebol deixou escapar ao ser eliminado nas semifinais pela Internazionale de Milão.

Na camiseta do Barcelona não existe logotipo de patrocinador. Pelo contrário, lá está a marca do Unicef. E o Barça destina todo ano 1,5 milhão de euros para o fundo da infância da ONU. Mas o clube tem patrocínios, sim. Na página web estão alguns patrocinadores de peso. Nike, Movistar, Audi, Turkish Airlines, entre outros. Só a Turkish, que tem o privilégio de carregar os jogadores do clube em voos para fora da Espanha, paga 4 milhôes de euros por ano.

O FC Barcelona é uma empresa com mais de 172 mil sócios, que pagam em torno de 130 euros por ano. A conta é fácil, mais 22 milhões de euros nos cofres do clube catalão.

O Barcelona é mais do que isso tudo. É o clube de um país que se chama Catalunha e é um dos símbolos desse país. Para os catalães, é questão de honra provar que são melhores em tudo. Por isso mesmo, ganhar do Real Madrid da Espanha não tem preço. Este ano foram duas vezes: 1x 0 aqui no Camp Nou e 2 X 0 lá em Madrid. E, no domingo 16 de maio, Barcelona parou para comemorar o título de campeão espanhol. Foi mais uma loucura patrocinada pelo Barça! Mal comparando, seria como se todos no Rio de Janeiro torcessem pelo Flamengo e todo paulista fosse corintiano e um dos dois fosse campeão na última rodada. Isso sem falar na questão da Catalunha, que não é Espanha mesmo.

No dia 21 de maio, o Barcelona apresentou à torcida, seu novo jogador, David Villa, que custou 40 milhões de euros.

Só uma paixão muita grande e um marketing muito eficiente para colocar 35 mil torcedores no estádio Camp Nou numa sexta-feira. Os fãs esperaram duas horas para escutar Villa dizer que estava muito feliz.

O evento durou cinco minutos. Para quem conhece os "Euricos Mirandas" da vida que infestam o futebol brasileiro, não há como não sentir um pouco de inveja da máquina do Barça.

A seguir algumas fotos da comemoração. Visca Barça!










 






Fotos: Cláudio Versiani

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!