Homenagem a Silas Malafaia gera polêmica

A discussão sobre a medalha concedida pela Câmara ao pastor da Assembleia de Deus gera comentários contrários e favoráveis

A reportagem publicada ontem (30) pelo Congresso em Foco, na qual o deputado Jean Willys (Psol-RJ) criticava a decisão da Câmara de conceder ao líder da Assembleia de Deus, pastor Silas Malafaia, a Medalha do Mérito Legislativo, gerou polêmica entre os leitores. Até a manhã de hoje (1), a matéria já tinha 43 comentários, alguns favoráveis a Malafaia, outros em favor de Jean Willys.

O pastor Malafaia tem sido um dos mais duros críticos dos avanços obtidos na sociedade pela comunidade LGBT. Com um estilo bastante agressivo, ele já chegou a dizer que iria “arrebentar” e “fornicar”o presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis (ALGBT), Toni Reis. Jean Willys é o primeiro deputado homossexual assumido a se declarar claramente representante da causa das minorias sexuais. Para ele, a decisão de dar uma medalha a Malafaia seria um “escândalo”, uma vez que o discurso do pastor estimularia o ódio aos homossexuais. A sugestão para a medalha foi feita pelo deputado Lourival Mendes (PTdoB-MA), para quem deve ser dado a Malafaia o direito de dizer o que pensa, na defesa da liberdade de expressão.

Não é a primeira vez que o site abriga a polêmica entre as comunidades evangélicas e LGBT. Veja outras reportagens do site sobre o tema:

Cruzada contra a Lei da Homofobia

Jean Willys reage à ofensiva evangélica contra gays

Bolsonaro declara guerra aos homossexuais

Casal de sargentos gays responde a Bolsonaro

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!