Biden se aproxima da Casa Branca, enquanto Trump ameaça ir à Justiça

O democrata Joe Biden está próximo de derrotar o republicano e candidato à reeleição Donald Trump na disputa pela Presidência dos Estados Unidos. Biden venceu em Michigan e Wisconsin. Com isso, está a 17 votos dos 270 necessários para chegar à Casa Branca. Até o momento, o democrata tem 253 votos ante 214 do republicano. Os números são dos jornais The Washington Post e The New York Times.

Biden pode ser declarado eleito se vencer em Nevada ou Arizona, estados onde aparece à frente de Trump. Ainda não há previsão de quando será anunciado o resultado nessas regiões.

Esta é a eleição com a maior participação popular. Biden já tem mais de 70 milhões de votos, superando o recorde anterior de Barack Obama. Trump já passou dos 67 milhões de votos, segundo a agência de notícias Associated Press (AP), votação superior à obtida por ele em 2016.

O atual presidente, no entanto, ameaça judicializar o resultado da eleição, contestando a votação em alguns estados e pedindo a recontagem. Na madrugada, ele chegou a se autodeclarar vencedor.

Biden discursou nesta quarta. Ele disse ter confiança na vitória quando a contagem for encerrada e prometeu pacificar o país. “Meus compatriotas americanos, ontem vocês provaram que a democracia é o coração pulsante deste país”, declarou. “Todos os votos precisam ser contados, ninguém vai tirar a nossa democracia”, ressaltou.

> EUA têm eleição mais acirrada e imprevisível das últimas décadas

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!