Zambelli se emociona na CPI ao falar de aborto e discute com Joice

Em um depoimento emocionado, a deputada Carla Zambelli (PSL-SP) falou sobre o aborto espontâneo que sofreu recentemente. Com pausas em sua fala, a parlamentar se disse muito chateada pelos ataques emitidos por Joice Hasselmann (PSL-SP) contra ela, nos quais a ex-líder do governo afirmou durante a eleição, que ela era abortista.

> Veja o PowerPoint que Joice Halssemann usou para atacar Bolsonaro na CPI

“Quando ela me chama de abortista ela está me acusando de um crime. Eu fico até emocionada porque eu acabei de perder um bebê. Eu estava grávida há duas semanas e perdi um bebê. Eu tenho um filho de 11 anos e meu filho mora comigo, eu sou uma excelente mãe. E tento ter outro filho e acabei de perder um bebê e estou sendo acusada de ser abortista”, disse Zambelli.

Joice sorriu, e fez sinal para dizer que “era só o que faltava”. Quando obteve a palavra Halssemann disse de maneira ríspida que Zambelli é cínica. “Eu nunca vi um show de cinismo neste nível como o da deputada Carla Zambelli”, afirmou a ex-líder do governo antes de afirmar que ela abortou um bebê há alguns anos.

Deputada Joice Hasselmann (PSL-SP)

Zambelli acusou Joice de ter espalhado que ela teria sido prostituta e Joice disse que esta acusação partiu de Jair Bolsonaro. “O presidente me perguntou se você tinha sido prostituta. Ele me perguntou”, disse Joice.

Carla Zambelli e Joice Hasselmann já foram muito amigas, mas durante as eleições romperam. Joice disse que enquanto mantinha amizade com Carla, chegou a pagar contas para ela. “Paguei as contas muitas vezes nos restaurantes. Suas e do seu ex-namorado”, disse Joice.

> Meio milhão do dinheiro público é usado para espalhar fake news, diz Joice

abortistaabortoCarla ZambelliCPI das Fake NewsCPMIJoice Hasselmann