Senado adia concurso público por pandemia de covid-19

O Senado Federal adiou a realização de um concurso público que abriria 40 vagas em diversos cargos na Casa. A decisão de dissolver a banca avaliadora do concurso, assinada pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, foi publicada em portaria no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (26).

> Congresso promulga novo Fundeb

A decisão ocorreu, segundo a portaria, em razão de "incertezas relativas a questões orçamentárias decorrentes da pandemia do covid-19". O fato de que ainda seja possível a realocação dos recursos para o combate à pandemia, e mesmo o próprio decreto legislativo que instituiu o estado de calamidade pública foram justificativas apresentadas por Alcolumbre para o adiamento.

Em nota, o senador afirmou também não ser possível garantir a segurança sanitária dos candidatos às vagas durante o concurso, o que poderia comprometer a saúde dos aspirantes às vagas e dos aplicadores da prova. Segundo o Senado, o concurso está mantido, porém sem data definida para su realização.

O concurso havia sido autorizado em outubro de 2019, e previa 40 vagas – a maior parte delas para técnico legislativo. A disputa também previa vagas para áreas como assistência social, engenharia e arquivologia.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!