Reforma do IR “subiu no telhado”, avalia vice-líder do Novo

O relator do projeto de lei que muda as regras do Imposto de Renda, deputado Celso Sabino (PSDB-PA), só tem mais uma “bala na agulha” e não pode mais errar nos ajustes do texto. A avaliação foi feita há pouco pelo vice-líder do Novo, Alexis Fonteyne (SP), ao Insider.

Para o deputado do Novo, a reforma “subiu no telhado” diante das dificuldades de se chegar a um texto sem penduricalhos, que simplifique o sistema tributário e atenda às demandas de estados, municípios e empresários.

O conteúdo deste texto foi publicado antes no Congresso em Foco Insider, serviço exclusivo de informações sobre política e economia do Congresso em Foco. Para assinar, entre em contato com comercial@congressoemfoco.com.br.

O governo tentou votar a proposta na última terça-feira (17). Mas, vendo que ainda há muitas divergências, e com chance até de o texto ser derrotado em plenário, o PL foi retirado de pauta sob a previsão de ser pautado já na próxima terça-feira (24). Parlamentares, no entanto, já adiantam que até lá não deve haver acordo e que a votação deve demorar mais que uma semana para ocorrer.

O vice-líder do Novo, que acompanha de perto as negociações e tem conversado com o relator, afirmou ao Insider que o projeto não pode ser pautado pela terceira vez em plenário para, no fim, ser retirado de pauta. Isso minaria a própria credibilidade da proposta.

Para o parlamentar, como está, o PL dá “dois passos para trás” ao incluir uma série de “puxadinhos” e exceções na tentativa de se chegar a um acordo. Agora, avalia o deputado, é preciso rever o texto e simplificá-lo, se inspirando, por exemplo, em soluções já adotadas por outros países.

>> Redução de receitas dos estados é inadmissível, diz Comsefaz

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo