Major Olimpio: “Doria é tão pernicioso quanto Lula e o PT”

Líder do PSL no Senado, Major Olimpio (PSL-SP) disse que a ideia de uma aliança entre PSDB e PSL na disputa municipal de São Paulo do próximo ano, defendida nesta segunda-feira (25) pelo governador João Doria (PSDB-SP), não é bem recebida por uma ala representativa do PSL paulista. Para ele, “Doria é tão pernicioso quanto Lula e o PT”.

> Excludente de ilicitude de Bolsonaro terá complemento do Major Olimpio

“Doria quer o PSL como vice para poder atrair o partido para sua base, mas nós não esquecemos que Doria traiu e enganou Bolsonaro, jamais perdoaremos isso”, reclamou o Major Olimpio, que já foi presidente estadual do PSL e disse que a ala majoritária do partido tem esse mesmo entendimento.

O senador comentou o cenário eleitoral na capital paulista depois que o governador João Doria defendeu a formação da chapa Covas-Joice. Segundo Doria, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), que vem tentando disputar a eleição municipal pelo PSL, é uma boa candidata à vice de Covas. “Por que não? O Bruno será reeleito. A Joice é uma brilhante deputada, pessoa com boa formação e com quem tenho uma relação de muitos anos”, disse Doria, segundo a Folha de São Paulo.

Major Olimpio, contudo, rebateu: “Se a Joice quiser ela será nossa candidata e vencerá a eleição.”

Joice ainda não comentou a proposta de Doria. A candidatura da deputada, contudo, só deve se viabilizar caso o presidente Jair Bolsonaro conseguir criar seu novo partido, o Aliança pelo Brasil, antes das eleições do próximo ano. É que o deputado Eduardo Bolsonaro, que é o atual presidente do PSL paulista, vem defendendo a candidatura do deputado estadual Gil Diniz desde que Joice entrou na lista de desafetos da família Bolsonaro durante a briga entre bolsonaristas e bivaristas que rachou o partido.

> Veja a íntegra do manifesto do partido que Bolsonaro tenta fundar

> Tenha a melhor cobertura do Congresso de graça no seu Whatsapp

Bruno CovasJoão DoriaJoice HasselmannMajor Olímpioprefeitura de são paulo