Maia faz festa de aniversário para Alexandre Frota ao som de Marília Mendonça

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), abriu as portas da residência oficial da Casa para comemorar os 56 anos do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP). A festa teve direito a churrasco típico e trilha sonora da cantora sertaneja Marília Mendonça, conforme relato da coluna de Guilherme Amado, no site da revista Época. Segundo o colunista, parlamentares do PSL em litígio com o presidente Jair Bolsonaro e lideranças do centrão estavam entre os mais animados.

Maia afirma que convidou toda a Mesa Diretora e todos os líderes partidários e que não houve qualquer conotação de ato anti-Bolsonaro no evento. Frota foi expulso do PSL após fazer reiteradas críticas e ataques ao presidente da República.

De acordo com a coluna, o tucano chegou acompanhado do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) e logo pegou um suco de morango. Ele não bebe bebida alcoólica. Vinho e coquetéis de fruta eram servidos à vontade aos 60 convidados.

O vice-presidente do PSL, Antonio Rueda, e os deputados Felipe Francischini (PR) e Junior Bozzella (SP) foram cumprimentados por deputados do centrão por liderarem o motim contra Bolsonaro no PSL. O deputado Ronaldo Santini (PTB-RS) ofereceu as carnes e foi o churrasqueiro.

Entre os convidados da festa estavam Baleia Rossi (SP), novo presidente do MDB, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), relator da reforma tributária, e Marcos Pereira (Republicanos-SP), vice-presidente da Câmara.

De acordo com o relato de Época, uma deputada puxou o coro quando todos bebiam vinho e o grupo cantou a música Ciumeira, de Marília Mendonça (“É uma ciumeeeira atrás da outra...”). Os celulares só puderam ser retirados do bolso a uma hora da manhã, quando acabou a festa, diz o texto.

Marcos Pereira disse que o evento, a despeito de ter sido feito na residência oficial, “não foi organizado por Rodrigo Maia nem houve música ou excessos”. Ele diz que “não houve confabulações contra o governo nem contra ninguém”. Bozzella e Francischini contaram que foram à casa de Maia casualmente para tratar de assuntos legislativos e, apenas chegando lá, se deram conta de que havia uma festa.

Respostas

Organizador do jantar, o deputado Ronaldo Santini afirmou que o churrasco não foi oferecido a Frota ou a nenhum outro político, mas sim com a intenção de divulgar a "excelência do churrasco gaúcho da micro-região de Lagoa Vermelha". Ele explica que organizou o churrasco, junto com prefeitos e vereadores da região, porque é relator do projeto de lei que reconhece a cidade de Lagoa Vermelha como capital nacional do churrasco. A ideia era, portanto, convencer os líderes partidários a votarem o projeto na Comissão de Cultura e também no plenário da Câmara. Por nota, Rodrigo Maia confirmou que o churrasco foi promovido por Santini e "não teve qualquer conotação anti-PSL ou pró-Alexandre Frota".

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!