Estou a caminho, diz Mia Khalifa após empresa de produtos eróticos negociar vacina

A ex-artiz pornô Mia Khalifa voltou a trocar tuítes com membros da CPI da Covid neste fim de semana após a revelação de que a empresa catarinense World Brands teria negociado vacinas com o Ministério da Saúde. Entre os itens de seu cadastro de atividades estão itens de sex shop."Vocês estão em uma crise ... estou a caminho", disse Mia em resposta ao vice-presidente da comissão, Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

O senador usou as redes para ironizar a situação. "Em vez de negociar com o Butantan, Pazuello foi negociar a Coronavac com uma empresa de importação de produtos eróticos… Corre aqui Mia Khalifa! Acho que estavam te usando de cortina de fumaça!", brincou.

Essa não é a primeira vez que Mia interage com membros da CPI. Informações falsas circulam pelas redes sociais com suas fotos e a ex-atriz já chegou a publicar uma  montagem depondo à comissão. A publicação foi feita em resposta a um seguidor que disse que Mia encontrava "tempo para salvar o Brasil da covid".

Além disso, o nome de Mia veio a tona nas redes quando o senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) frisou que uma pesquisa publicada na revista científica The Lancet, que passou por correção após falta de dados, teria sido encomendada por uma empresa onde trabalha uma atriz pornô. O senador não especificou se tratar de Mia, mas os memes já tinham tomado as redes após a fala do congressista. Heinze chegou a dizer durante reunião do colegiado que não conhecia Mia.

> À CPI, senador diz que atriz pornô conspirou contra cloroquina

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo