Depoimento de ex-ministro Teich é adiado para quarta-feira

A CPI da Covid adiou para quarta-feira (5), às 10h o depoimento do ex-ministro da Saúde Nelson Teich.

O antigo dirigente da pasta falaria hoje aos senadores, mas com a ausência de Eduardo Pazuello ao alegar ter tido contato com pessoas que testaram positivo para covid-19, a comissão ouvirá Teich amanhã, no horário em que o general falaria ao colegiado. O exército encaminhou um documento à CPI para explicar a situação de Pazuello. O presidente do colegiado, Omar Aziz (PSD-AM), sugeriu que o ex-ministro seja ouvido dia 19.

Desde as 11h, senadores escutam as explicações do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta sobre a condução da pasta da Saúde no início da pandemia.

> Fábio Faria se confunde e manda para Mandetta pergunta feita na CPI

Continuar lendo