Após CPI, Flávio Bolsonaro e Alessandro Vieira batem boca na internet

Os senadores Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE) , protagonizaram um bate-boca nas redes sociais logo após o fim da sessão desta quinta (12) na CPI.

No Twitter, o filho do presidente disse concordou com a fala do líder do governo na Câmara, Ricardo Barros(PP-PR) que "a única coisa concreta que a CPI conseguiu, foi impedir milhões de vacinas nos braços dos brasileiros!"

Em resposta, Vieira afirmou que a CPI "afastou os picaretas que queriam o dinheiro das vacinas, através de empresas fake, lobistas e funcionários do governo".

Nesta tarde, o senador Alessandro Vieira pediu para encerrar a reunião que tomava o depoimento de Barros. Segundo parlamentares, o deputado estaria mentindo na Comissão Parlamentar de Inquérito.

Alessandro Vieira ainda sugeriu que a comissão acione o Supremo Tribunal Federal (STF) para saber como poderá agir perante as "inverdades" ditas pelo convocado, que possui foro privilegiado por ser deputado federal.

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo