Bia Kicis diz que “todo mundo inventa mentirinha nas eleições” na CPI

Os deputados e senadores que compõem a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News escutam nesta quarta-feira (19) os sócios-proprietários da empresa de marketing digital Yacows, acusada de enviar mensagens políticas em massa durante as eleições de 2018. Durante a sessão, a deputada Bia Kicis (PSL-DF), numa tentativa de defender o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), disse que nas eleições "todo mundo inventa uma mentirinha de todo mundo".

> ABI entra com notícia-crime contra Hans River por falso testemunho

"Como sempre houve nas eleições, mesmo antes de internet, acontece de um candidato falar mal de um, outro fala de outro, outro inventa de outro. Mas há um equilíbrio, porque todo mundo fala mal de todo mundo. Todo mundo inventa uma mentirinha de todo mundo", declarou.

Bia, entretanto, se declarou como sendo uma exceção à regra que ela mesma expôs. "Não todo mundo, eu na minha campanha não falei mal de ninguém e não fiz fake news de ninguém", declarou Bia Kicis.

Os ex-cheves de Hans River, que depôs sobre o tema na semana anterior e fez acusações à jornalista da Folha de S. Paulo Patrícia Campos Mello, estão depondo na comissão. Segundo Hans, Patrícia se insinuou sexualmente para ele, com a intenção de conseguir informações. As acusações foram negadas pela Folha em reportagens que mostram a conversa entre os dois.

> Governista contra-ataca: “Se reconvocar Hans, vamos convocar a jornalista”

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!