Deputados vão à PGR contra denúncia de rachadinha por Bolsonaro

Deputados do PSOL ingressaram com uma notícia-crime contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, na Procuradoria-Geral da República (PGR). A denúnicia foi apresentada nesta segunda (5) após áudios divulgados em matéria veiculada pelo UOL apontarem o presidente como protagonista de um suposto esquemas de rachadinha na época em que era deputado federal.

Leia a íntegra da denúncia:

A denúncia é assinada pelos nove parlamentares psolistas que pedem a abertura de uma investigação do presidente pelo Ministério Público Federal (MPF). "As matérias e gravações implicam o presidente Jair Bolsonaro diretamente no esquema de corrupção das rachadinhas", escrevem.

A acusação é de que houve conduta criminosa. "Bolsonaro, e toda a sua família, está envolvido em uma miríade de crimes. É indisfarçável a participação do presidente da República nos atos ilícitos, de forma que é fundamental que os poderes constituídos tomem as providencias cabíveis para investigar os responsáveis e não assistam inertes os permanentes e reiterados crimes contra a administração pública."

A denúncia contém um áudio de Andrea Valle, ex-cunhada de Bolsonaro, que acusou o então deputado federal de demitir um assessor que se recusou a devolver valores de seu próprio salário. Se o conteúdo da reportagem refletir a realidade, Bolsonaro pode ter cometido o crime de peculato.


> Dr. Luizinho: “Governo conduziu mal a pandemia”
> Eleições 2022: Lula tem 41,3%, e Bolsonaro, 26,6%, aponta CNT

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

 

Continuar lendo