Cármen Lúcia e Raquel Dodge cantam e dançam com Alcione. Veja o vídeo

Conhecidas pela discrição e pela formalidade, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, e a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, caíram no samba. A presidente do Superior Tribunal de Justiça, Laurita Vaz, também aderiu à festa. Elas dançaram e soltaram a voz ao lado da cantora Alcione no embalo do clássico “Não deixa o samba morrer”. “Vai, Cármen Lúcia”, incentivou a cantora. E Cármen foi.

Veja o vídeo:

"Não deixe o samba morrer
Não deixe o samba acabar
O morro foi feito de samba
De samba pra gente sambar", entoou a presidente do Supremo.

O raro momento de descontração foi propiciado pelo seminário “Elas por Elas”, realizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), presidido por Cármen. O evento reuniu lideranças empresariais e do meio jurídico para debater a participação da mulher no poder estatal e na sociedade.

O vídeo foi publicado nas redes sociais por Alcione. “Tão bonito ver a desconstrução positiva dos que vivem sob a rigidez sisuda do poder. Em última instância somos todos humanos, necessitados das mesmas alegrias, vítimas das mesmas agruras”, comentou no Instagram o Padre Fábio Mello, também cantor e influenciador digital.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!