“Opacidade custa vidas”: entidades reagem à omissão de dados sobre covid-19

Um grupo de quase cem entidades publicou uma carta aberta com críticas à omissão dos dados da pandemia de covid-19 por parte do governo federal. Na avaliação dos signatários, "os
mecanismos de transparência são fundamentais em um governo democrático para permitir a
participação pública e a prestação de contas. Durante uma pandemia, a opacidade pode custar
vidas".

"A falta de informação oficial sobre a pandemia não é apenas um ataque ao acesso à informação,
ataca também a liberdade de expressão e de imprensa. Não se trata de casos isolados, mas que
se inserem em um cenário do uso contínuo e sistemático da máquina pública para dificultar o
trabalho de comunicadores, criar um ambiente hostil para o exercício profissional e, ao mesmo
tempo, reduzir a transparência no governo de Jair Bolsonaro", diz o texto.

Entre as entidades que assinam a carta, estão instituições que defendem o direito de acesso à informação, a melhoria do ambiente democrático e a promoção dos direitos humanos. O Congresso em Foco é um dos signatários do texto.

Leia íntegra da carta:

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!