Na redes sociais, Mandetta é o novo superministro, aponta estudo da FGV

Levantamento da Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgado nesta sexta-feira (3) aponta que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, é o principal ator político das redes sociais. Desde o último dia 25 foram 615,3 mil menções no Twitter. Antes da escalada da crise do coronavírus, Mandetta não chegava nem a uma média de 20 mil citações mensais.

O desempenho dele, que antes era desconhecido do público, supera o dos dois membros do governo considerados “superministros” por Jair Bolsonaro durante a posse em 2019.

>Bolsonaro diz que Mandetta “extrapolou” e que falta humildade ao ministro

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, foi mencionado 246,1 mil no desde o dia 25. O ministro da Economia, Paulo Guedes, recebeu 189,5 mil menções. No ano passado, Moro teve média mensal de R$ 3 milhões de citações no Twitter.

> As últimas notícias da pandemia de covid-19

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!