Mourão sobre Eduardo Bolsonaro: “Ele tem cargo no governo?”

O vice-presidente Hamilton Mourão comentou nesta quinta-feira (19) os ataques que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) fez à China. Nessa quarta, Eduardo responsabilizou o maior parceiro comercial do Brasil pela pandemia do coronavírus.

> Por relação comercial, bancada ruralista defende China e repudia Eduardo

O Eduardo Bolsonaro é um deputado. Se o sobrenome dele fosse Eduardo Bananinha não era problema nenhum. Só por causa do sobrenome. Ele não representa o governo", disse Mourão à Folha de S. Paulo. "Não é a opinião do governo. Ele tem algum cargo no governo?”, questionou.

Pouco depois da manifestação de Mourão, o chanceler Ernesto Araújo publicou um posicionamento criticando a reação do embaixador chinês e dizendo que o governo brasileiro espera retração do diplomata. 

“Cabe lembrar, entretanto, que em nenhum momento ele [Eduardo] ofendeu o Chefe de Estado chinês. A reação do Embaixador foi, assim, desproporcional e feriu a boa prática diplomática”, escreveu o chanceler brasileiro.

Apesar do tom da nota, ele reforçou a ideia de Mourão. “As críticas do deputado Eduardo  Bolsonaro à China, feitas também em postagens ontem à noite, não refletem a posição do governo brasileiro”, disse Araújo.

> Brasil fecha fronteira terrestre com Argentina e mais sete países

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!