Após críticas, Ibaneis desiste ir a casamento horas antes de lockdown

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), desistiu de comparecer a um casamento para cerca de 200 convidados na noite deste sábado, como padrinho dos noivos. O governador vinha sendo criticado por estar entre os convidados de uma celebração que deve ocorrer horas antes do início de um lockdown em todo o DF, e que durará todo o dia.

A notícia foi primeiramente veiculada na Revista Época. Pouco depois da publicação, o governador foi às redes sociais dizer que recebeu o convite, mas tinha de decliná-lo por conta da pandemia.

Ibaneis decretou a proibição de funcionamento de grande parte da economia brasiliense nesta sexta-feira. Em um primeiro momento, a proibição valeria a partir da 0h01 desta sábado (27), mas foi postergada em um dia.

A partir da 0h01 desta domingo (28), apenas atividades essenciais e tempos religiosos poderão funcionar no Distrito Federal. Equipamentos públicos como parques permanecerão fechados, assim como shoppings, oficinas mecânicas e academias. Farmácias, mercados e clínicas veterinárias poderão continuar abertas.

Casamentos, como o que o governador Ibaneis foi convidado, não serão permitidos. Tais ajuntamentos já não são recomendados por autoridades médicas desde o início da pandemia de covid-19, há um ano.

> Lira quer teleconferência com governadores para discutir Orçamento
> Prefeito demite jornalista que fez pergunta sobre caso Queiroz a Bolsonaro

Continuar lendo