Vídeo: Heleno chama Lula de canalha e fala em prisão perpétua para o ex-presidente

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, se exaltou nesta sexta-feira (14) ao repudiar a declaração do ex-presidente Lula que questionou a facada recebida pelo então candidato à Presidência em 2018. Durante café da manhã do presidente com jornalistas, Heleno deu murro na mesa e, com voz elevada, sugeriu que Lula cumprisse “prisão perpétua”.

“Um presidente da República desonesto tinha que tomar uma prisão perpétua. Isto é um deboche com a sociedade. Presidente da República desonesto destrói o conceito do país. Isso é o cúmulo e ele ainda aventar a hipótese da facada ser uma mentira. Será que o câncer dele foi mentira? E o câncer da dona Dilma foi mentira? Alguém disse para ele isso daí? Alguém teve peito de dizer isso para ele? Isso é uma canalhice típica desse sujeito. Não mereceu jamais ser presidente da República, que é uma instituição quase sagrada. Eu tenho vergonha de um sujeito desse ter sido presidente da República.”

Veja o vídeo:

"Aquela facada pra mim tem uma coisa muito estranha", disse Lula em entrevista à rede TVT. "Uma facada que não aparece sangue em nenhum momento, uma facada que o cara que dá a facada é protegido por segurança do Bolsonaro, a faca que não aparece em nenhum momento", acrescentou.

Já Bolsonaro foi irônico ao comentar a declaração do ex-presidente. Segundo ele, na barriga de Lula “deve ter muita cachaça”. "Devolvo a pergunta a Lula: quem matou Celso Daniel? Ou melhor: quem torturou Celso Daniel antes de matá-lo? Porque ele estava com hematomas", disse, referindo-se ao assassinato do ex-prefeito de Santo André (SP) em 2002.

>> Órgão ligado à Igreja Católica critica general Heleno e defende mobilização pela Amazônia

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!