Bolsonaro e humorista debocham de jornalistas e presidente não comenta PIB

No dia em que o IBGE divulgou um crescimento da economia nacional abaixo do patamar registrado em 2017 e 2018, o presidente Jair Bolsnaro (sem partido) não comentou o assunto debochou de jornalistas na saída do Palácio Alvorada.  Na manhã desta quarta-feira (4), o presidente  apareceu acompanhado do humorista Márvio Lúcio dos Santos Lourenço, conhecido como Carioca no programa Pânico e ambos fizeram algo semelhante a um esquete humorístico diante da residência oficial.

>Economia brasileira cresceu menos em 2019 que nos dois anos anteriores

O humorista saiu do carro caracterizado como presidente, distribuiu bananas para jornalistas e debochou dos profissionais. Em seguida, o presidente Bolsonaro se aproximou dos microfones e foi questionado sobre a queda do PIB, que mostra que a economia, uma das principais bandeiras do governo, não está respondendo de  acordo com as expectativas.

Quando questionado o presidente debochou "PIB? O que é PIB?", disse e pediu para o humorista repetir. O presidente não respondeu às perguntas e seguiu para falar com apoiadores.

Veja o vídeo:

O primeiro ano de governo sob a gestão do presidente Jair Bolsonaro demonstrou um crescimento do PIB de 1,1% e fechou o ano de 2019 em R$7,3 trilhões. Esta é a taxa mais baixa dos últimos dois anos, segundo informações divulgadas pelo IBGE nesta quarta-feira (4).

O Produto Interno Bruto é a soma de todos valores produzidos ao longo de um ano, este indicador quantifica a atividade econômica de uma região. Desde de 2015, o Brasil tem demonstrado uma queda que não foi revertida no primeiro ano de governo Bolsonaro, segundo analista do IBGE.

>Senadores tentam derrubar acordo e Davi adia sessão sobre orçamento

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!