Índio poderá fazer o mesmo que fazendeiro, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender a regulamentação  da exploração das terras indígenas. "A gente está com um projeto aí pra a terra indígena, que se o índio quiser, ele vai fazer a mesma coisa que o fazendeiro do lado faz", afirmou o presidente em conversa com apoiadores. A declaração foi dada ao sair  do Palácio  do Alvorada, na manhã desta sexta-feira (7).

>Deputados não veem clima para aprovar exploração de terras indígenas

Todas as manhãs o mandatário conversa com apoiadores na saída da residência oficial da Presidência da República. Além da regulamentação da exploração de terras indígenas o presidente voltou a defender a redução do ICMS cobrado sobre os combustíveis, algo que reduz a arrecadação dos estados.

O presidente seguiu para reunião no Ministério da Defesa com o ministro Fernando Azevedo. Entrando no carro, Bolsonaro confirmou para imprensa rapidamente que irá discutir assuntos relacionados ao Coronavírus na reunião, em especial assuntos ligados à quarentena. O governo decidiu repatriar 34 brasileiros nos próximos dias, que ficarão em quarentena em Anápolis (GO).

O Projeto de Lei que regulamenta a quarentena no Brasil foi aprovado pelo Senado na quarta-feira (5). O texto era necessário para definir instrumentos jurídicos e sanitários para o combate ao vírus, no país. No mesmo dia, dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) partiram para buscar os cidadãos na região epicentro da epidemia, na China.

O Ministério da Saúde elevou o nível de emergência, declarando Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional sem haver casos confirmados no país.

>Maia diz que projeto de quarentena do coronavírus será votado hoje

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!