“BolsoCollor é um escárnio”: diz Bruno Gagliasso sobre Collor no Twitter

O mais novo queridinho do presidente Jair Bolsonaro, o ex-presidente e senador Fernando Collor (PROS - AL) trocou farpas com o ator Bruno Gagliasso na noite desta terça-feira (9), no Twitter. A confusão aconteceu quando Bolsonaro convidou o senador para ser conselheiro econômico.

Gagliasso criticou as política econômicas adotadas por Collor quando chefe do Executivo. Na segunda-feira (8), Bolsonaro convidou o senador para uma reunião com a equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes. Collor teria dado opiniões sobre o impacto do reajuste do combustível na economia nacional.

"Chega a ser uma piada esse presidente que representaria tudo de “novo” trazer pra ser seu conselheiro ECONÔMICO um sujeito que fez tantas famílias sofrerem com sua política econômica. BolsoCollor é um escárnio", escreveu o ator.


Collor retrucou e na resposta ao ator aconselhou que Gagliasso parasse de "espernear e querer lacrar". Mas as provocações não pararam.

O ator, então, perguntou ao senador se ele "tá querendo palco", e continuou: "Eu não ganho dinheiro do povo pra estar do Twitter ofendendo os brasileiros. Eu sou um brasileiro pagador de impostos e vc é meu funcionario. Vai trabalhar e me respeite".

Thaís Rodrigues é repórter do Programa de Diversidade nas Redações realizado pela Énois - Laboratório de Jornalismo, com o apoio do Google News Initiative.

> Deputado do PSL denuncia participante negra do BBB por “racismo reverso”

Continuar lendo