Colaboradora de Darcy Ribeiro, Vera Brandt morre aos 87 anos

Mineira de Diamantina, Vera chegou a Brasília em 1960 e foi uma das colaboradoras de Darcy Ribeiro na tarefa de criar a UnB, onde lecionou

Após uma luta de dez anos contra um câncer na região da laringe, a ex-docente da Universidade de Brasília, Vera Brandt, 87 anos, morreu neste domingo. O corpo está sendo velado nesta segunda-feira (15) em sua casa, no Lago Sul. O enterro vai ocorrer no cemitério Campo da Esperança, na Ala dos Pioneiros.

Mineira de Diamantina, Vera chegou a Brasília em 1960 e foi uma das colaboradoras de Darcy Ribeiro na tarefa de criar a UnB, onde lecionou. Muito ligada ao ex-presidente Juscelino Kubitschek, foi Vera Brandt que o recebeu em 1973, quando ele voltou à capital federal após o exílio. Desde então os dois passaram a trocar confidências em uma amizade marcada pelo companheirismo.

Empresária do ramo imobiliário, Vera também era escritora. Foi autora de obras como  Ensolarando SombrasCiclotímicaA Solidão dos outrosCarlos, meu amigo querido. A última reúne correspondências que trocou com Carlos Drummond de Andrade. Ela é irmã do ex- deputado Celso Brant.

 

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!