Temer entra na onda do Dia das Crianças e registra foto de sua infância no Facebook

Reações dos internautas à foto de Temer criança não foram exatamente amistosas. Muitas foram irônicas; outras, elogiosas. Uma delas destoou das demais pelo caráter inusitado. “Continue. Não pare! E não se importe com o que falam de você. Abraços, bom amigo. Obs: me arruma um emprego de segunda a sexta?!”

Na esteira do Dia das Crianças, comemorado nesta quarta-feira (12), o presidente Michel Temer não esperou a chegada da data e alterou, já no início da noite desta terça-feira (11), a foto de seu perfil no Facebook – nem o presidente nacional licenciado do PMDB ficou de fora da moda que reina entre os usuários da rede social, que consiste justamente no registro fotográfico da infância. No post, Temer ainda era um estudante aparentando entre 10 e 12 anos.

Não há qualquer informação sobre a foto no post presidencial. Mas, como Temer tem 76 anos (nasceu em 23 de setembro de 1940), é de se supor que a foto tenha sido feita em meados do século passado, por volta de 1950.

Com média de um registro por dia no Facebook, ao menos nas últimas semanas, Temer criança foi a única postagem do peemedebista na véspera da data comemorativa. Há pouco, por volta das 11h deste sábado, outra publicação foi feita no perfil do presidente – não por coincidência, com referência ao recém-lançado programa sob responsabilidade da primeira-dama, Marcela Temer, “Criança Feliz”.

Hoje de manhã, já em pleno Dia das Crianças, um registro foi feito no perfil do presidente. “Neste #DiaDasCrianças, convidamos vocês a conhecerem o#CriançaFeliz, programa lançado pelo governo federal que tem como objetivo promover o desenvolvimento infantil nos três primeiros anos de vida (primeira infância). Saiba mais: http://bit.ly/2cSJVLW”, registra o perfil de Temer.

Temer (ou alguém de sua equipe) publicou a foto por volta das 18h desta terça-feira (11). Cerca de 19h depois da postagem, 31 mil manifestações haviam sido registradas – curiosamente, apenas reações consideradas favoráveis, com curtidas, “Amei”, “Haha”; o “Grr”, que conota raiva, e o “Triste” não constam do post. Ao todo, até agora, são mais de 2.305 compartilhamentos e 20.379 comentários, com muitas imagens e ilustrações publicadas nesse espaço de interação.

Vômitos , elogios e pedido de emprego

Dia das Crianças à parte, a reação dos internautas à foto de Temer criança não foi exatamente amistosa. Muitos publicaram, no espaço de comentários, a já famosa figura do vômito, que costuma encher perfis alheios em “vomitaços” de protesto. Outros preferiram os tradicionais ataques verbais e dirigiram impropérios – muitos deles impublicáveis – ao presidente.

Mas também teve quem recorresse à ironia. “Desde 1430 nos encantando com essa pureza nefasta juvenil”, escreveu o internauta identificado como Paulo Oliveira, que registrou o emoticon da carinha feliz ao fim de seu comentário. “Olhar temeroso”, brincou Alberto Junior.

Mas outros preferiram continuar atrelando a Temer a tese do “golpe” que tirou a presidente Dilma Rousseff da Presidência da República. “Pequeno golpistinha. Que fofo, gente!”, provocou Junior Costa.

Teve gente que xingou Temer, teve muitas referências (positivas e negativas) contra a “PEC do Fim do Mundo” – a polêmica proposta de emenda à Constituição que congela por 20 anos os gastos da União (PEC 241), já aprovada em primeiro turno na Câmara –,  teve mensagem reflexiva (“Uma criança que já tinha cara de adulto. Dá pra ver no que ia se tornar. Vem de berço”, escreveu Marcio Santana). Mas nenhuma delas foi tão enigmática quanto a da internauta identificada como Soares Vivi.

“Continue. Não pare! E não se importe com o que falam de você. Abraços, bom amigo. Obs: me arruma um emprego de segunda a sexta?!”, registra o post.

Mais sobre Michel Temer

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!