Silval de fato recriou loteria no Mato Grosso

O governador, porém, nega que o fato tenha tido relação com as conversas contidas nos grampos do caso Cachoeira

Coincidência ou não, depois das conversas entre membros da “organização criminosa” do bicheiro Carlinhos Cachoeira, o governo de Silval Barbosa criou a Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat). O governador, porém, considera “um absurdo” a relação feita entre os dois casos. O ponto das investigações da Operação Monte Carlo que envolve Silval e Cachoeira foi publicado originalmente pelo jornal Diário de Cuiabá. Ao jornal, o governador respondeu o seguinte: “A Lemat acabou de ser criada. Agora que estamos regulamentando a forma como vamos licitar”.

Procurada pelo Congresso em Foco, a assessoria do governador do Mato Grosso confirmou as declarações feitas ao Diário de Cuiabá e disse que Silval não se manifestaria mais sobre o assunto.

Cachoeira buscou governadores eleitos de Mato Grosso, Santa Catarina e Paraná

Continuar lendo