PT quer o mandato de Marta Suplicy, diz jornal

Senadora deve se filiar ao PSB para concorrer à prefeitura de São Paulo em 2016

O PT de São Paulo pretende disputar, na Justiça, o mandato da senadora Marta Suplicy (PT-SP) assim que ela deixar a sigla. A direção petista fez várias consultas a advogados sobre a jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) relacionada ao tema. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Conforme os advogados consultados pelo PT, a maioria das decisões no TSE afirma que o mandato é da legenda. Dessa forma, quem assumiria o mandato, caso Marta deixe o PT, seria o segundo suplente, o petista Paulo Frateschi (SP).

Desde o início do ano, Marta tem mostrado insatisfação com o PT realizando críticas públicas à legenda. Há aproximadamente um mês, a petista confirmou que pretende se filiar ao PSB.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!